A temporada 2020/21 da Premier League começa no próximo sábado (12), e muitas caras novas serão vistas nos gramados ingleses. Umas bem conhecidas e outras nem tanto. Sendo assim, separamos os cinco clubes que mais investiram na atual janela de transferências.

Não é surpresa para ninguém que o Chelsea seja o 1° colocado neste ranking. Com sete contratações, os Blues gastaram cerca de 223 milhões de euros (aproximadamente R$ 1,4 bilhão) na atual janela. Sendo assim, o clube trouxe nomes de peso como Kai Havertz, Thiago Silva, Timo Werner, Hakim Ziyech e Ben Chilwell. Além deles, os londrinos ainda garantiram as contratações de Malang Sarr e Xavier Mbuyamba.

Livre da punição referente ao fair play financeiro, o Manchester City aparece no 2° lugar da lista. Até o momento, os Citizens anunciaram as chegadas do zagueiro Nathan Aké e do atacante Ferrán Torres. Dessa maneira, as contratações custaram 78,8 milhões de euros aos cofres do clube.

O Everton aparece na 3ª colocação. A equipe comandada por Carlo Ancelotti anunciou recentemente as contratações de Allan, James Rodríguez e Doucouré. Assim, os Toffees investiram cerca de 72 milhões de euros no mercado.

A grande surpresa da lista fica por conta do Leeds. Assim, a equipe recém-promovida à Premier League aparece no 4° lugar, com cerca de 68,6 milhões de euros investidos. Dessa maneira, a grande contratação foi a de Rodrigo, atacante que chegou do Valencia e custou 30 milhões de euros aos cofres dos Whites.

O Tottenham finaliza o top 5. Os Spurs investiram cerca de 65,4 milhões de euros na janela em três contratações. Dessa maneira Lo Celso (comprado em definitivo após empréstimo), Matt Doherty e Pierre-Emile Höjbjerg se juntaram ao clube comandado por José Mourinho.

Foto Destaque: Reprodução/Rui Vieira/AP Photo

Renan Liskai
Renan Liskai
Muito prazer! Sou Renan Liskai, paulista, natural de Santo André. Desde 1998 falando, respirando, sorrindo, chorando e enlouquecendo por futebol. A vida de goleiro não deu certo, mas o jornalismo sempre esteve ali. Descobri que se não podia estar dentro de campo ou das quadras, eu poderia estar do lado de fora, mas sempre vivendo tudo isso. Sou daqueles que não perde um jogo de futebol por nada, seja ele qual for. Costumo dizer que esse esporte é assunto mundial e que não há uma pessoa no mundo que nunca tenha falado sobre tudo que acontece dentro e além das quatro linhas. Assim como todo mundo, carrego uma história e experiências. Sou filho, irmão, neto, amigo e sempre serei um eterno aprendiz dessa vida.

Artigos Relacionados