Vai resolver?

O Palmeiras foi atrás de um técnico. O preferido da diretoria, desde o ano passado, era Cuca. Antes da saída de Oswaldo de Oliveira, o técnico já havia sido consultado. O treinador não largou o futebol chinês. Posteriormente, com a instabilidade do Verdão no campeonato brasileiro, o nome de Cuca ganhou força nos bastidores do clube outra vez. O título da Copa do Brasil, porém, fortaleceu Marcelo Oliveira no cargo.

O Palmeiras de Marcelo Oliveira, entretanto, não empolgava. Ao contrário, colecionava vexames jogando como mandante. A imprensa noticiava todos os dias que o vestiário alviverde estava rachado. Torcedores cobravam mudanças, mas estas não aconteceram. Na Libertadores, o estopim: derrota para o Nacional, em pleno Allianz Parque. Marcelo Oliveira não resistiu. Foi demitido logo após o jogo.

Na tarde deste sábado foi oficializado o acordo entre Palmeiras e Cuca. O técnico será apresentado nesta segunda e já comandará o alviverde na partida desta quinta-feira contra o Nacional, no Uruguai, pela Libertadores.

O Palmeiras venceu o São Paulo neste domingo, por 2 a 0, no Pacaembu. Na saída do gramado, Robinho, autor de belo gol contra o rival, disse que a vitória serve para espantar a ‘’urucubaca’’.  Agora o Palmeiras pensa apenas em somar três pontos na Libertadores.

Mas a pergunta que fica é a seguinte: Cuca resolverá os problemas do Palmeiras?

De nada adianta trocar treinador e comissão técnica se a postura dentro de campo não for outra. Nos últimos jogos do Palmeiras os problemas foram os mesmos que vinham acontecendo desde o ano passado. A zaga falhava, o meio de campo era ocupado por três volantes, ausência de um armador e o ataque sem efetividade.

Cuca assumirá um clube que lhe oferece três jogadores por posição e alguns líderes. Sua missão é colocá-lo nos trilhos e afastar a desconfiança. Das arquibancadas vêm o grito ‘’A taça Libertadores; obsessão’’. O primeiro capítulo deste novo Palmeiras começou muito bem. Resta saber se este roteiro terminará em lua de mel ou vaias.

 

André Siqueira Cardoso

Sobre André Siqueira Cardoso

André Siqueira Cardoso já escreveu 313 posts nesse site..

Sou André Siqueira Cardoso, tenho 21 anos. Aluno de jornalismo da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), atualmente trabalho em VEJA, com a cobertura do noticiário político. Apaixonado por esportes, jogador de futebol até hoje, tenho o sonho de cobrir uma Copa do Mundo.

BetWarrior


Poliesportiva


André Siqueira Cardoso
André Siqueira Cardoso
Sou André Siqueira Cardoso, tenho 21 anos. Aluno de jornalismo da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), atualmente trabalho em VEJA, com a cobertura do noticiário político. Apaixonado por esportes, jogador de futebol até hoje, tenho o sonho de cobrir uma Copa do Mundo.

    Artigos Relacionados

    Topo