No último sábado (5), a Seleção Uruguaia Sub-20 venceu os profissionais do Defensor Sporting, do Uruguai, no Complexo da AUF, em Canelones, no Uruguai. Os comandados de Fabián Coito vinham de vitória em jogo-treino contra a equipe do San Gregorio de Polanco por 5 x 1 e continuaram a boa fase.

O único gol da partida foi marcado por Darwin Núñez, atacante do Peñarol, aos 41 minutos do 1º tempo. Os 11 titulares que começaram o jogo foram: Franco Israel; Ezequiel Busquets, Bruno Méndez, Sebastián Cáceres e Maximiliano Araújo; Nicolás Acevedo, Rodrigo Zalazar e Martín Barrios; Emiliano Gómez, Darwin Núñez e Pablo García. Em seguida, entrou Mauro Silveira, Emiliano Ancheta, Mathías Laborda, Edgard Elizalde, Juan Manuel Sanabria, Agustín Dávila, Thomas Chacon, Erik de Los Santos, Juan Manuel Boselli e Facundo Batista.

As atividades retornaram ao Complexo Celestial hoje (7) pela de manhã. Na quarta-feira (9), a equipe receberá a bandeira nacional, das mãos das autoridades e, mais tarde, fará uma nova partida de preparação, desta vez contra o Plaza Colonia, outra equipe uruguaia, no estádio Suppici, às 21h30 (horário de Brasília). A semana continuará com trabalhos táticos e físicos, e no sábado (12) o jogam seu último amistoso antes de viajar para o Sul-Americano do Chile. Será com a equipe da Flórida, no Complexo Celeste, às 17h (horário de Brasília). Dois dias depois, viajam para o Chile para se estabelecer em Talca, onde estarão no topo do grupo B. A estréia será nessa cidade, no Estádio Fiscal, com a Seleção Peruana. Os outros membros do grupo são Equador, Argentina e Paraguai.

https://www.instagram.com/p/BsTiXW_g8dQ/?utm_source=ig_share_sheet&igshid=1592wau8xl7nw

Os Celestes contam com 23 jogadores e nove deles jogam no exterior. A equipe tem, até o momento, oito amistosos realizados, sendo que venceu cinco, empatou dois e perdeu apenas um.

Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, criado em Taboão da Serra, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.
https://bit.ly/EricFilardi

Artigos Relacionados