Treinador diz que precisa estudar mais e que almeja cargo de técnico

Como treinador interino do Fluminense, Marcão fechou o ciclo com  100% de aproveitamento. Foi responsável pelas  vitórias sobre Friburguense e América, que classificaram o Tricolor para a segunda fase do Campeonato Carioca.

Ao levantar a ideia sobre o sonho de seguir carreira como técnico, ele prefere comemorar o presente, mas não esconde o sonho de querer comandar um time.

“Estou bem, feliz, confortável, interino. Realmente, a responsabilidade é muito grande”, disse o treinador.

Numa conversa franca com o presidente (Peter Siemsen), foi debatida a pauta de tentar  segurar os jogadores novos.

Na visão do  ex-volante, “deu certo” e saliente que há um longo trajeto a ser percorrido.

“É o caminho natural, mas isso é uma outra história. Tenho muito o que aprender ainda”, e complemente que nesse ramo você vai conhecendo seu grupo, aprende administrar pessoas. “Unindo esses fatos com a qualidade técnica e tática do grupo, acho que a gente tem um ótimo futuro pela frente” afirmou.

A partir de hoje o Fluminense,  ao comando de Levir Culpi, estreia na Taça Guanabara contra o Botafogo, no fim de semana. Mas antes de enfrentar o Botafogo, recebe o Criciúma, quinta-feira (10) pela última rodada da fase de grupos da Primeira Liga.

Carolina Keyko

Sobre Carolina Keyko

Carolina Keyko já escreveu 53 posts nesse site..

Sou Carolina Keyko Rodrigues, 21 anos, estudante de jornalismo, apaixonada por esportes, música, teatro, gastronomia e fotografia. Já trabalhei como estagiária para a Arquidiocese de São Paulo como gestora de mídias sociais, Estagiária para os Doutores da Web com SEO. Gosto de áreas que me desafiem a escrever, como o futebol, que esta em constantes mudanças, costumo assistir os jogos do Santos com a fanática da minha irmã e acompanho meu pai nos jogos da Portuguesa, pois é, faz parte.

BetWarrior


Poliesportiva


Carolina Keyko
Carolina Keyko
Sou Carolina Keyko Rodrigues, 21 anos, estudante de jornalismo, apaixonada por esportes, música, teatro, gastronomia e fotografia. Já trabalhei como estagiária para a Arquidiocese de São Paulo como gestora de mídias sociais, Estagiária para os Doutores da Web com SEO. Gosto de áreas que me desafiem a escrever, como o futebol, que esta em constantes mudanças, costumo assistir os jogos do Santos com a fanática da minha irmã e acompanho meu pai nos jogos da Portuguesa, pois é, faz parte.

    Artigos Relacionados

    Topo