Travessura em Avellaneda: Defensa y Justicia derruba mais um grande

- El Halcón superou o Independiente, por 1 a 0, em pleno Libertadores de América e entra no G11; Colón goleou el Patrón, por 4 a 0, rumo à Sul-Americana 2019

Dois jogos encerraram a 24ª rodada da Superliga Argentina de Futebol, nesta segunda-feira. O Colón goleou o Patronato, por 4 a 0, em Santa Fé, diante da torcida, voltando a figurar na zona de classificação para Sul-Americana de 2019. Já o Independiente foi surpreendido pelo travesso time do Defensa y Justicia, perdendo por 1 a 0, em casa, na cidade de Avellaneda. Com a derrota, el Diablo Rojo continua fora do G5. El Halcón derrubou mais um grande e, com o triunfo, está novamente entre os 11 primeiros. O campeonato argentino tem mais três rodadas para o término da temporada. Confira o que aconteceu nas partidas desta segunda-feira.

24ª RODADA – SUPERLIGA ARGENTINA

23/04 – SEGUNDA-FEIRA

Colón de Santa Fé 4 x 0 Patronato

Com dois gols de Javier Correa, o Colón aplicou uma goleada em cima do Patronato, por 4 a 0, diante da torcida, voltando a triunfar no estádio Cementerio de Elefantes, em Santa Fé. O resultado expressivo colocou os santafesinos novamente na zona de classificação para a Sul-Americana de 2019. El Sabalero está na 11ª posição, com 37 pontos, e na sua cola estão o rival Unión (37), o Belgrano (37) e o Estudiantes (35). O Patronato não conseguiu jogar bem, foi um time apático e que não incomodou os donos da casa. El Patrón caiu para a 20ª colocação, com 28 pontos. Próxima rodada: Patronato x San Lorenzo e Belgrano x Colón (29/04).

Independiente 0 x 1 Defensa y Justicia

Defensa y Justicia aprontou mais uma vez e derrotou outro grande fora de casa. A vítima da travessura do Halcón foi o Independiente, que precisava vencer para entrar no G5. O placar foi 1 a 0 para os visitantes, frustrando novamente os torcedores do Rey de Copas no estádio Libertadores de América, em Avellaneda, na província de Buenos Aires.

O triunfo foi importante para o Defensa y Justicia que somou 38 pontos, indo para a 10ª posição – dentro da zona de classificação para Sul-Americana 2019. A equipe da cidade de Florencio Sola já tinha aprontado antes com dois grandes: venceu o Boca por 2 a 1 em La Bombonera, e venceu o Racing por 3 a 2, em casa. O Independiente também foi surpreendido pelo Halcón e perdeu em pleno Libertadores de América. Com a derrota, el Diablo Rojo segue na sexta colocação, com 42 pontos, e se quiser ir à Libertadores 2019 pela Superliga, não vai poder vacilar mais.

O Independiente jogou melhor, teve mais posse de bola, mas não foi efetivo no ataque. Esse é um dos problemas que o treinador Ariel Holon tem enfrentado. A equipe de Avellaneda consegue ficar com a bola, chega na frente, só que por detalhes não converte em gols. E outra deficiência é o contra-ataque. Como o Independiente gosta de jogar adiantado, oferece muitas oportunidades de contra-ataque. O Defensa y Justicia soube aproveitar e numa falta decidiu o jogo, com Mariano Bareiro, que aproveitou o cruzamento e fez 1 a 0, aos 11 minutos do segundo tempo. Próxima rodada: Defensa y Justicia x Rosário Central e Newell's Old Boys x Independiente (29/04).

CLASSIFICAÇÃO

[soccer-info id='12' type='table' /]

Vitor Hugo Souza

Sobre Vitor Hugo Souza

Vitor Hugo Souza já escreveu 61 posts nesse site..

Futebol é legal. Jornalismo também. Então, faz as contas ⚽��❤ Sou Vitor Hugo Souza, jornalista formado, eterno jogador do “10 minutos ou dois gols”, e em busca da onda perfeita. Chuteiras nos gramados, jogos decisivos, golaços, dribles, time do coração, bastidores, torcida, emoção, tudo isso mexe com o imaginário. Mais do que um esporte, é futebol na veia.

BetWarrior


Poliesportiva


Vitor Hugo Souza
Vitor Hugo Souza
Futebol é legal. Jornalismo também. Então, faz as contas ⚽��❤ Sou Vitor Hugo Souza, jornalista formado, eterno jogador do “10 minutos ou dois gols”, e em busca da onda perfeita. Chuteiras nos gramados, jogos decisivos, golaços, dribles, time do coração, bastidores, torcida, emoção, tudo isso mexe com o imaginário. Mais do que um esporte, é futebol na veia.

    Artigos Relacionados

    Topo