Tottenham e Crystal Palace ‘pagam’ nesta quarta-feira (3) a dívida com o calendário da Premier League que foi assumida com o adiamento do compromisso pela 31ª rodada. O duelo será realizado no estádio de Wembley, em Londres. O início está previsto para 15h45 (horário de Brasília).

TOTTENHAM

O Tottenham está despencando no Campeonato Inglês. Não vence há cinco jogos. Foram quatro derrotas (Burnley, Chelsea, Southampton e ), em Wembley. Com 61 pontos (20 vitórias, um empate e dez derrotas), o time londrino, que estava na briga pelo título com Liverpool e Manchester City. Agora está ameaçado até mesmo de ficar fora do G4 e não ter vaga na próxima edição da Liga dos Campeões através da Premier League.

Essa desastrosa campanha recente, no entanto, não contaminou o clube na disputa da edição atual da Champions League. Nessa sequência de fracassos, a única exceção ficou para , por 1 x 0. Assim, confirmou sua classificação para as quartas de final, onde terá um confronto local com o Manchester City. A abertura do duelo será no próximo dia 9, também em Wembley.

Assim, o encontro diante do Palace acaba sendo a última oportunidade para o técnico Mauricio Pochettino testar soluções para superar os azuis de Manchester. Depois de cumprir dois jogos de suspensão por reclamações contra a arbitragem no jogo contra o Burnley. Ele poderá voltar a dirigir o time do banco de reservas. Não sabe, todavia, se poderá contar com o defensor Serge Aurier; e os meio campistas Eric Dier e Harry Winks, que estão aos cuidados do departamento médico.

https://twitter.com/dele_official/status/1113160460013056006

Provável escalação: Lloris; Alderweireld, Sanchez, Vertonghen; Trippier, Sissoko, Alli, Rose e Eriksen; Son e Kane. Técnico: Mauricio Pochettino.

CRYSTAL PALACE

O Crystal Palace foi a razão do adiamento do confronto com Tottenham. Estava envolvido na disputa da Copa da Inglaterra. No entanto, acabou sendo eliminado do torneio ao ser batido, por 2 x 1, pelo Watford, no campo do adversário. Iniciou no sábado (30) seu período de dedicação exclusiva ao Campeonato Inglês. No Selhurst Park, recebeu o Huddersfield, lanterna da Premier League, e venceu por 2 x 0 alcançando o patamar de 36 pontos (dez vitórias, seis empates e 15 derrotas).

Na 13ª colocação, praticamente assegurou sua permanência na divisão de elite do futebol inglês. Como visitante, seus números são ainda melhores. Tem o 7º melhor desempenho da Premier League nesse ranking. Assim, dos 45 pontos que disputou, abocanhou 20 (seis vitórias, dois empates e sete derrotas) tendo marcado 25 gols e sofrido 24. Além disso, a única baixa por lesão que o técnico Roy Hodgon terá que administrar para o encontro desta quarta-feira deverá ser o zagueiro francês Mamadou Sakho.

https://twitter.com/CPFC/status/1113154130028228611

Provável escalação: Guaita; Wan-Bissaka, Tomkins, Dann e Van Aanholt; Milivojevic, Meyer e Schlupp; Townsend, Zaha e Batshuayi. Técnico: Jan Siewert.

RETROSPECTO

No último confronto entre as equipes nesta competição, em 10 de novembro do ano passado (2018). O Tottenham ganhou fora de casa por 1 x 0. Assim o histórico de confrontos diretos recentes é favorável à equipe da casa, que possui sete vitórias e duas derrotas nos últimos nove jogos. Porém, em 27 de janeiro deste ano o Crystal Palace saiu vitorioso por 2 x 0, em duelo válido pela Copa da Inglaterra.

Alexsander Vieira
https://bit.ly/3nAiB4l

Artigos Relacionados