Torcida do Remo dá show no Baenão e repercute na web

A noite desta terça-feira (19), a bola rolou entre Remo e Cruzeiro, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Ao passo que como de costume, o confronto entre as equipes chama atenção devido o histórico de invencibilidade dos paraenses diante dos mineiros. Isso porque já são 43 anos sem vencer a equipe Azulina.

Sobretudo, não foi somente o que acontecia dentro das quatro linhas que teve destaque. Assim como acontece em todos os jogos do Leão, o Fenômeno Azul marca presença e lota as arquibancadas do estádio Baenão para apoiar o time. No entanto, a torcida foi literalmente o 12° jogador em campo, cantando desde o apito inicial até o término da partida.

Contudo, mesmo com o gol da raposa, os remistas não deixaram de apoiar o Remo e a vibração foi o diferencial. Dessa forma, os donos da casa afim de retribuir o carinho da torcida, partiram para o ataque e conquistaram o revés, vencendo a partida por 2 x 1.

Em suma, o ‘Fenômeno Azul' sempre que o Remo joga em casa está lá para apoiar. Entretanto, as torcidas adversárias que ainda não haviam visto o show se renderam aos encantos Azulinos. Assim sendo, agitaram a web com elogios, ao passo que inclusive os torcedores do Cruzeiro também exaltaram a festa dos remistas.

Por fim, o duelo de volta entre as equipes está marcado para acontecer no dia 11 de maio, às 19h30 (horário de Brasília), no estádio do Mineirão. Sobretudo, vale ressaltar que os gols fora de casa não servem como critério de desempate. Além disso, o time que se classificar para as oitavas de final embolsa cerca de R$ 3 milhões de reais.

Confira abaixo alguns comentários sobre o show da torcida do Remo:

https://twitter.com/lakeeshow/status/1516590376525733895?t=1R7f37d_cPOIZrZl97aswA&s=19

https://twitter.com/burmann_CEC/status/1516584343380148226?t=uRRTOJoEW2fVgILH3bM-nQ&s=19

Foto: Samara Miranda/Ascom Remo

 

 

Tata Marx
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.