Todinho é melhor que Nescau! Atacante faz dois e Guarani vence

- Bugre assume a liderança do grupo D
Guarani

Nesta sexta (06), o Guarani, jogando fora de casa,bateu a equipe do Ituano por 2 x 0 e assumiu a liderança do grupo D. Com dois gols de Todinho, o Bugre conquistou uma excelente vitória longe de seus domínios. Agora, terá o clássico contra a Ponte Preta pela frente. Por outro lado, o Ituano segue na última posição do grupo C e briga pela permanência na 1° divisão.

1°TEMPO

Na primeira etapa, Giovanny arriscou de fora da área mas a bola foi para fora. Yago César tentou a resposta também com um chute de fora da área, mas foi travado na hora da batida. Logo depois, Marcos Serrato mandou de perna esquerda, o goleiro do Guarani foi buscar em uma bonita defesa. Lucas Abreu recebeu e mando para o gol mas o arqueiro também fez a bonita defesa.

Júnior Todinho recebeu belo passe dentro da área, brigou com o goleiro e no rebote, conseguiu mandar para o fundo do gol de perna esquerda. Posteriormente, Luizinho veio com a resposta, mas parou novamente no goleiro. Pacheco enfiou a bola para Gui Mendes, que mandou de perna esquerda para fora. Final da primeira etapa.

2°TEMPO

Na segunda etapa, os mandantes começaram buscando o empate. Marcelo Serrato de perna esquerda parou no arqueiro rival. Logo depois foi a vez de Gui Mendes desperdiçar a chance do empate com um chute torto e para fora. De novo, Baralhas acionou o atacante Marcelo Serrato, que chutou para a defesa do arqueiro rival.

Posteriormente, Giovanny fez boa jogada pela esquerda e cruzou na área, Todinho, de novo, empurrou para o gol vazio e ampliou o placar. Com a adversidade, os donos da casa se mandaram para o ataque, Minho chutou e mandou nas mãos do goleiro. Serrato com o pé esquerdo, foi travado pela zaga. Fim de jogo. Vitória do Bugre que lidera o grupo com 13 pontos. Por outro lado, o Ituano continua na última colocação do Grupo C.

MELHORES MOMENTOS

BetWarrior


Poliesportiva


Victor Hugo Freitas
Victor Hugo Freitas
Apaixonado por esportes, decidi cursar jornalismo para me especializar em jornalismo esportivo. Nascido e criado na zonal sul de São Paulo, curto bater uma bola no final de semana, trocar ideia, etc. Acompanho futebol desde 2005, ano em que meu time foi campeão brasileiro. Como diria a fiel: “Corintiano, maloqueiro e sofredor, graças a Deus”. Dou pitacos em quase todos os esportes espalhados mundo a fora. O melhor amigo do jornalista, é a sua integridade.

    Artigos Relacionados

    Topo