Típico jogo de Libertadores nas quartas das Olimpíadas

Com toda a certeza: a Colômbia não foi confrontar o Brasil no futebol, mas sim, tentando desequilibrar os brasileiros, principalmente o Neymar, e achar algum golzinho achado. Plano que a zaga com Marquinhos e Rodrigo Caio não deixou ser realizado.

Para quem gosta do futebol sul-americano Brasil e Colômbia fizeram um típico jogo de Libertadores valorizando o clássico do continente. Estádio cheio, catimba, confusões, provocações e gols, marcaram o confronto.

A seleção comandada por Rogério Micale entrou em campo com o Luan, do Grêmio, no lugar de Thiago Maia, do Santos, deixando o Brasil mais ofensivo e veloz e para ajudar na marcação desde o ataque.

Com o propósito de troca de passes desde a defesa o goleiro brasileiro, Weverton, assustou os milhões de torcedores ao tentar sair jogando, dentro de sua área, diante do colombiano Preciado, que chegou a dividir. Mas a boa foi para a linha de fundo.

Pressionando forte com os atacantes o Brasil conseguiu uma falta perto da grande área. Três colombianos ficaram na barreira montada pelo goleiro Bonilla, barreira que não foi párea para a excelente batida de Neymar no canto direito: 1 a 0.

Após o gol o jogo ficou pegado e a Colômbia mostrou para que veio: bater e provocar. O camisa dez do Brasil, Neymar, sofreu falta e Gabriel Jesus jogou a bola para a lateral. Até aí tudo bem, mas os colombianos não devolveram a posse da bola, irritando o craque do Barcelona que chegou duro em Roa, cometendo falta fortíssima, recebendo cartão amarelo e gerando confusão na beira do gramado.

O primeiro tempo pode ser resumido em: brasileiros tentando não cair na provocação colombiana.

No intervalo o técnico Carlos Alberto Rostrepo voltou para o segundo tempo com Pérez e um atacante famoso aqui no Brasil por eliminar o São Paulo da Libertadores: Miguel Borja, no lugar dos pendurados Barrios e Preciado.

As alterações mudaram o estilo de jogo da Colômbia que deixou de bater com frequência e tentando jogar futebol. Weverton trabalhou poucas vezes e os brasileiros chegaram a reclamar de um pênalti num chute de Luan que bateu na mão do zagueiro colombiano dentro da área.

Depois disso Bonilla defendeu a cabeçada de Rodrigo Caio em cobrança de escanteio.

Micale tirou Gabigol e colocou Thiago Maia, liberando Renato Augusto para apoiar o ataque. A substituição serviu para deixar a partida mais morna e enquanto os colombianos chegavam forte o Brasil chegou bem no ataque, aos 38 minutos do segundo tempo com Luan, que recebeu passe de Neymar, avançou e bateu de fora da área por cima de Bonilla, fechando o placar em 2 a 0.

A torcida em Itaquera apoiou a seleção desde o início e marcou presença com 41.560 pessoas no estádio.

O adversário do Brasil na semifinal será Honduras, que venceu a Coreia do Sul por 1 a 0. No outro jogo da fase a alemães enfrentarão os nigerianos.

Leonardo José

Sobre Leonardo José

Leonardo José já escreveu 382 posts nesse site..

Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

BetWarrior


Poliesportiva


Leonardo José
Leonardo José
Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

Artigos Relacionados

Topo