Terça-feira também é dia de clássico

Palmeiras e Santos enfrentam-se, às 20:30, na Arena Palmeiras, em partida válida pela 14ª rodada do campeonato brasileiro. O clássico desta terça-feira colocará frente a frente o melhor ataque e a segunda melhor defesa do campeonato. O alviverde já balançou as redes 29 vezes, enquanto o alvinegro tomou apenas doze gols em treze jogos.
Os donos da casa lideram o Brasileirão desde a nona rodada, mas entram em campo desfalcados: Thiago Santos, Róger Guedes e Gabriel Jesus cumprirão suspensão; Moisés e Tchê Tchê são dúvidas por conta de lesão sofrida no último jogo, contra o Sport. O técnico Cuca faz mistério sobre a escalação da equipe, mas deve mandar a campo um Palmeiras com Fernando Prass, Jean, Mina, Vitor Hugo, Zé Roberto; Matheus Salles, Arouca, Cleiton Xavier; Dudu, Erik e Lucas Barrios. O treinador santista, Dorival Júnior, assim como Cuca, não definiu sua equipe titular para o clássico. A dúvida fica por conta do terceiro elemento de ataque do Peixe: Copete ou Vitor Bueno. O primeiro chegou e já caiu nas graças da torcida, já que marcou dois gols e deu três assistências em apenas dois jogos. O jovem garoto, por sua vez, assumiu o protagonismo da equipe santista enquanto Lucas Lima esteve ausente, mas nos últimos jogos teve uma queda de rendimento. Mesmo assim, o Santos, provavelmente, virá a campo com Vanderlei, Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Luiz Felipe, Zeca; Renato, Thiago Maia, Lucas Lima; Vitor Bueno, Gabriel e Rodrigão.
O Verdão entra em campo com a missão de vencer o clássico e abrir vantagem para as demais equipes. Vale lembrar que o Corinthians venceu a Chapecoense, fora de casa, e somou os mesmos 28 pontos do rival Palmeiras. O time comandado por Cuca, entretanto, segue na liderança por saldo de gols. Ademais, o Verdão ainda não perdeu para o Santos jogando em sua arena. No último encontro, em partida válida pelo Campeonato Paulista, um empate sem gols.
O Peixe, por sua vez, começou a rodada entre os quatro primeiros, mas viu Atlético-PR, Flamengo e Ponte Preta vencerem, o que resultou na queda da equipe para a sétima colocação. Caso vença o Palmeiras, o Santos voltará ao G-4 com uma pontuação de 25 pontos.
Há a expectativa de um bom jogo.

O Palmeiras segue com 100% de aproveitamento jogando como mandante, só tomou um gol em sua arena e por jogar diante
 de seu torcedor em um clássico com torcida única, deve vir para cima e propor o jogo desde o início. Com as ausências de Gabriel Jesus e Róger Guedes, o Palmeiras perde um pouco da velocidade e poder de decisão no ataque, mas conta com um elenco fortíssimo: Erik e Barrios terão a chance no time titular, e Rafael Marques e Leandro Pereira aparecem entre os relacionados.
 rib9587

O Santos, por outro lado, deve priorizar uma postura defensiva, para apostar nos contra-ataques. Com dois jogadores abertos – Gabriel e Vitor Bueno – , Dorival Júnior deve armar uma equipe para jogar nos erros palmeirenses, que podem dar brecha para uma enfiada de bola de Lucas Lima. Além disso, o torcedor santista deposita sua confiança no atacante Rodrigão, que já balançou as redes três vezes em quatro partidas com a camisa do Santos.

Os goleiros de ambas as equipes vivem ótima fase. Fernando Prass, além de ser a referência do atual elenco do Palmeiras, é um líder, foi convocado para defender as cores do Brasil nas Olimpíadas e é o melhor arqueiro em atividade no país. O camisa um santista, por sua vez, também não fica devendo. Embora quieto e introvertido, Vanderlei vem se destacando com a camisa santista e figura entre os melhores em sua posição no Brasil. Suas atuações, inclusive, credenciam-no a uma possível vaga na Seleção brasileira.
O jogo acontecerá com estádio lotado. Mais de 39 mil ingressos foram vendidos, fato que faria do Palmeiras o clube com maior média de público no Brasil.
André Siqueira Cardoso

Sobre André Siqueira Cardoso

André Siqueira Cardoso já escreveu 313 posts nesse site..

Sou André Siqueira Cardoso, tenho 21 anos. Aluno de jornalismo da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), atualmente trabalho em VEJA, com a cobertura do noticiário político. Apaixonado por esportes, jogador de futebol até hoje, tenho o sonho de cobrir uma Copa do Mundo.

BetWarrior


Poliesportiva


André Siqueira Cardoso
André Siqueira Cardoso
Sou André Siqueira Cardoso, tenho 21 anos. Aluno de jornalismo da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), atualmente trabalho em VEJA, com a cobertura do noticiário político. Apaixonado por esportes, jogador de futebol até hoje, tenho o sonho de cobrir uma Copa do Mundo.

    Artigos Relacionados

    Topo