Bahia divulga nota, e Ramírez é reintegrado ao elenco

Nesta quinta-feira (24), o Bahia divulgou uma nota, confirmando que a perícia contratada pelo clube não comprovou as denúncias de injúria racial. Desse modo, o meia Índio Ramírez será reintegrado ao elenco. Simultaneamente, a diretoria anunciou algumas medidas que irão ser tomadas para combater o racismo. Em princípio, a nota do

Laudo afirma que Ramírez teria dito “tá quanto”

A confusão envolvendo Índio Ramírez e os atletas do Flamengo ganhou mais um capítulo. Desse modo, na última terça-feira (22), surgiu um vídeo que mostra a discussão que aponta para a discussão do colombiano com Bruno Henrique. Sendo assim, a perícia contratada pela diretoria do Bahia para apurar o caso, afirmam

Índio Ramírez se pronúncia e afirma: “Não fui racista”

Após ser acusado de racismo, o meia Índio Ramírez se pronunciou pela primeira vez sobre o caso nesta segunda-feira (21). Segundo o Bahia, o próprio atleta pediu para conta sua versão de como ocorreram os fatos. Desse modo, o depoimento foi divulgado nas redes sociais do clube. "Em nenhum momento fui

Índio Ramírez é afastado pelo Bahia

O jogo entre Flamengo e Bahia está longe de ter um desfecho. Desse modo, após a vitória Rubro-Negra, o Tricolor demitiu o técnico Mano Menezes.  Agora o alvo da vez foi o meia Índio Ramírez,  afastado pelo clube, por conta da injúria racial contra o meia Gérson. Assim, o Esquadrão emitiu

Acusado de racismo, treinador da base do Bayern de Munique é demitido

Técnico/treinador da base do Bayern de Munique é demitido por racismo

Após receber alegações de comentários com racismo e discriminação vindo de um treinador do grupo de base do Bayern de Munique, o clube rescindiu o contrato com o mesmo. A rescisão foi produto de um acordo mútuo entre o treinador e o clube, segundo o time. Além disso, o caso

Representatividade no futebol: Jô do Corinthians

Representatividade no futebol: Jô, atacante do Corinthians é capa da revista Raça. (Foto destaque: Reprodução/ Guilherme Silva)

Primeiramente já te pergunto: quantos jogadores do futebol negros casados com negras que vocês se lembram? Pois é meus amigos, infelizmente não encontramos. Inclusive, quando pensamos em um futebolista aqui no Brasil, a imagem que vem à cabeça é uma mulher branca, como sua parceira. E não é perseguição ou

Tchê Tchê participa de manifestação contra o racismo em São Paulo

Tchê Tchê participa de manifestação contra o racismo em São Paulo

A princípio, Tchê Tchê, volante do São Paulo, participou neste domingo (7), de uma manifestação pacífica no Largo da Batata, localizado na Zona Oeste da capital paulista. Acima de tudo, o protesto se pautava em defesa a democracia, contra o racismo e contra o atual presidente da República, Jair Bolsonaro. Além

Câmeras antirracismo serão colocadas em coletes dos seguranças na Itália

câmeras antirracismo

A partida entre Hellas Verona x Juventus pelo Campeonato Italiano, terá um uso de uma tecnologia um pouco diferente. Trata-se das câmeras antirracismo, que serão implantadas nos coletes dos Stewards. Sendo assim, a medida é uma forma de acabar com o racismo sofrido pelos atletas durante a competição e uma

Balotelli é novamente vítima de racismo

Balotelli é novamente vítima de racismo

A partida entre Hellas Verona e Brescia no último domingo (3), válida pela 11ª rodada do Campeonato Italiano, teve de ser paralisada por três minutos devido a coros racistas ecoados para o atacante Mario Balotelli. Por certo, não é a primeira vez que o italiano sofre injúrias raciais dentro do

Após ofensas racistas, time inglês abandona partida

Time inglês abandonou partida após racismo vindo da torcida adversária

Em menos de uma semana da partida da Inglaterra contra a Bulgária, marcada por ofensas racistas, o país da rainha viu os atos acontecerem novamente. Dessa vez, foi em jogo válido pela quarta fase da Copa da Liga Inglesa. Na ocasião, a equipe abandonou os gramados. O time da casa,

Malcom pode ser vendido pelo Zenit após atos racistas

Malcom vestindo a camisa do Zenit, na última partida do time contra o Krasnodar

Recentemente, Malcom deixou o Barcelona e foi vendido ao Zenit. No entanto, apesar de mal ter chegado no clube, o brasileiro já pode deixar a equipe. Tudo isso é motivado por manifestações racistas por parte dos torcedores do clube. Os atos preconceituosos aconteceram na estreia do atleta, durante o sábado