O racismo impregnado no futebol italiano

- A mancha na história de um país tetracampeão mundial que convive corriqueiramente com o preconceito

Popular do jeito que é, o futebol reflete um pouco de cada parte da sociedade. Desde as mais animadoras, como a euforia, a torcida e a emoção. Como as mais lamentáveis, tal qual o preconceito em geral. A Itália tem um histórico de país racista, e isso pode ser visto,

Se você fosse presidente de um time, contrataria jogadores assumidamente gays?

- O futebol é um esporte extremamente machista e isso não é apenas reflexo de dentro de campo, como também vem de cultura e da torcida

Já se perguntaram porque não há tantos atletas assumidamente gays no futebol masculino? Será realmente que no esporte mais popular do mundo não tenha nenhum atleta gay? Ou será que a comunidade LGBTQI+ não gosta de futebol? Ou será que "não podem gostar"? A coluna Rasgando o Verbo vai opinar

Premier League cria sistema de monitoramento de insultos

- Liga inglesa de futebol promove sistema de alerta para atos discriminatórios nas redes sociais contra envolvidos no esporte

Jogadores, treinadores, dirigentes e membros de comissões técnicas dos clubes vão ter um canal de denúncia para casos da Premier League. Foto Destaque: Catherine Ivill/Getty Images

Na atual era digital, comumente, são identificadas atitudes ofensivas referentes à diversos tipos de discriminação. Um dos campos onde demonstrações como essas estão mais presentes, por exemplo, é no futebol, um esporte de massa. Dessa forma, uma das principais ligas do mundo - a Premier League - anunciou na última

O recorrente problema do racismo no futebol italiano

- A cada temporada que passa, mais relatos preconceituosos se fazem presentes e tomam as atenções das partidas

A temporada 19/20 da Serie A TIM apenas começou, mas há um triste fator dividindo as atenções com o futebol. O racismo anda pairando nos estádios da Itália, porém, infelizmente, isso não é de hoje. Só nas primeiras rodadas, Lukaku, Késsie e Dalbert sofreram insultos de cunho racial em partidas

Malcom pode ser vendido pelo Zenit após atos racistas

- Clube russo vem negando e estão minimizando o acontecido

Malcom vestindo a camisa do Zenit, na última partida do time contra o Krasnodar

Recentemente, Malcom deixou o Barcelona e foi vendido ao Zenit. No entanto, apesar de mal ter chegado no clube, o brasileiro já pode deixar a equipe. Tudo isso é motivado por manifestações racistas por parte dos torcedores do clube. Os atos preconceituosos aconteceram na estreia do atleta, durante o sábado

#CaleOPreconceito: a nova campanha do Timão contra o machismo

- Equipe feminina usará em sua camisa nos próximos dois confrontos frases ditas contra as mulheres

Corinthians

O Corinthians divulgou no último domingo, a camisa que o time feminino usará no próximo jogo na quarta-feira dia 25 às 17h30 contra o São Francisco da Bahia no Campeonato Brasileiro Feminino. Será a primeira vez que o elenco jogará na Arena em Itaquera.A camisa que as atletas vestirão, será