Sylvinho - Foto destaque: Divulgação/Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Primeiramente, o Corinthians perdeu para o Atlético-GO, por 2 x 0, em partida de ida da 3ª fase da Copa do Brasil 2021, nesta última quarta-feira (2). Contudo, o técnico Sylvinho está confiante na classificação do Timão, na partida de volta na próxima quarta-feira (9).

“O meu discurso é o mesmo. Não sou nem otimista, nem pessimista, sou realista e esperançoso. Esse é meu trabalho, o trabalho do líder, eu entendo dessa forma. Os meus atletas já sabem: a competição é difícil, mas é muita equilibrada. A diferença em ganhar ou perder está nos detalhes. Hoje teve a expulsão, que condicionou o segundo tempo, não o resultado. Tenho que dizer, compromete. Mas no primeiro tempo tivemos oportunidades e não fizemos. São detalhes. Volto a dizer, sou um realista esperançoso”, disse Sylvinho.

Além disso, o treinador apontou que irá melhorar a equipe nas próximas partidas.

“Insatisfeito pela performance e muito mais pelo resultado. Somos realistas, claro que dificulta. Dois a zero é difícil, mas estamos no jogo. Existe um equilíbrio, vamos jogar os noventa minutos. Com relação ao elenco, vamos continuar trabalhando sério, estamos alinhado com a diretoria, temos material, e temos material para fazer melhores resultados”, ressaltou.

SYLVINHO FOCADO NO BRASILEIRO

Por fim, mudou a chave de torneio e vai focar no Brasileiro, que busca a primeira vitória no nacional e pelo Corinthians.

“Nós temos no meio um outro jogo do Brasileiro, vamos trabalhar dentro dele. Volto a dizer, realista, não gostamos do resultado, mas vamos jogar e buscar as situações para reverter. O equilíbrio existe e as condições estão ali, vamos jogar”, concluiu.

Agora, o Corinthians enfrenta o América-MG, em partida válida da 2ª rodada do Campeonato Brasileiro 2021. A saber, neste domingo (6), às 16h (horário de Brasília), no Estádio Independência.

Foto destaque: Divulgação/Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Avatar
Juan Camilo
Meu nome é Juan Pablo, tenho 19 anos e estudo Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi (UAM). O jornalismo é um privilégio de estar nessa área incrível. Amo futebol, basquete, jogos antigos. Meu objetivo é conseguir ser um dos melhores jornalistas e ser correspondente esportivo.

Deixe uma resposta