Real Madrid quer contar com Sterling (Foto: Getty Images)

O mundo vive uma luta contra o racismo e essa revolta ficou maior com a morte do preto George Floyd, que foi covardemente assassinado por um policial branco. Assim, algumas figuras no futebol se posicionaram contra a discriminação racial e um deles foi Raheem Sterling, que sempre foi ativo na causa.

Sterling joga pela Seleção Inglesa, mas nasceu na Jamaica. Assim, tem a pele preta e em diversas entrevistas já falou sobre a luta contra o racismo e diz que tem orgulho de sua cor. Como resultado, é um dos jogadores que mais se posicionam na causa e prometeu que jamais vai parar.

Em entrevista à ‘BBC', o jogador falou um pouco sobre os acontecimentos nos Estados Unidos com a morte de George Floyd e o impacto que isso teve no mundo. Além disso, afirmou que fará de tudo para lutar contra o racismo no futebol.

“Quando esse tipo de coisa acontece, eu penso no que é certo. Existe um limite no que pessoas aguentam. Especialmente pessoas pretas. Isso tem acontecido por centenas de anos e as pessoas estão cansadas.”

“Mas isso é algo que vou continuar fazendo. Começar esses debates, fazer com que pessoas na minha indústria pensem a respeito, no que eles podem fazer para dar às pessoas oportunidades iguais.”

Sterling é um dos principais jogadores na Inglaterra e chegou a sofrer racismo em uma partida de sua Seleção. No começo do ano, os ingleses foram jogar contra a Bulgária e sofreram ataques do gênero. Por pouco, os atletas não saíram de campo na oportunidade.

Foto Destaque: Reprodução/Getty Images

Avatar
Alexsander Vieira
Quando pequeno, pensava em trabalhar com o futebol, como jogador. Por situações não harmoniosas esse sonho se dissolveu, porém achei outra maneira de continuar no esporte. Foi com as mãos que decidi trabalhar, informar minha nação com os melhores acontecimentos, e sempre ter credibilidade no que passo à frente. Obs: 3 x 0 não é goleada.
http://www.radioprado.com.br

Artigos Relacionados