Sonhar não custa nada

O atacante do Walter, do Atlético-PR, parece estar decidido a ter uma temporada de 2016 de muito sucesso.

Em foto postada em seu Instagram, o atleta mostrou o resultado de uma pré-temporada bem feita.

O camisa 18 do Furacão, que sempre teve a fama de gordinho, confessou ter se apresentado antes de seus companheiros para realizar trabalhos específicos voltados ao fortalecimento muscular e, principalmente, à perda de peso. O resultado, segundo médicos especializados do Atlético-PR, foi mais do que satisfatório: Walter perdeu 13 kg, mas ainda pretende emagrecer mais.

Além de perder peso, Walter tem grandes pretensões para a temporada de 2016. O atacante de 26 anos admitiu sonhar com a seleção brasileira. Para isso, optou por fortalecer sua estrutura muscular, a fim de jogar o maior número de partidas em alto nível.

Walter sabe que o campeonato Brasileiro o dará a visibilidade necessária para alçar voos maiores.

Sinceramente, aos que acompanham o futebol de perto: Walter é melhor do que muitos jogadores de nossa atual seleção. Quem assistiu aos jogos do atacante pelo Goiás, Fluminense ou Atlético-PR sabe que a perna direita de Walterror, como é carinhosamente chamado pelos torcedores, é extremamente habilidosa. Isso sem falar em sua força física, qualidade no passe, proteção de bola e faro de gol.

Walter não é um jogador midiático e tampouco possui um empresário de luxo capaz de dar ao seu atleta o status que fracos jogadores como Hulk, Roberto Firmino e Bernard possuem. Talvez por isso a chegada do atacante à seleção seja pouco provável, para não dizer impossível.

A mídia reforça o fato de o atacante ser um bom jogador, mas que seu peso o atrapalha. Por esse motivo, é louvável o esforço de Walter para perder peso. Sobre a seleção: sonhar não custa nada.

BetWarrior


Poliesportiva


André Siqueira Cardoso
André Siqueira Cardoso
Sou André Siqueira Cardoso, tenho 21 anos. Aluno de jornalismo da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), atualmente trabalho em VEJA, com a cobertura do noticiário político. Apaixonado por esportes, jogador de futebol até hoje, tenho o sonho de cobrir uma Copa do Mundo.

    Artigos Relacionados

    Topo