Em meio contestação de jogadores do Palmeiras, Sindicato apoia suspensão do jogo

- Enfim, o imbróglio envolvendo Palmeiras x Flamengo ao que tudo indica teve um ponto final na manhã deste sábado (26)
Sindicato

Após decisão do Tribunal Regional do Trabalho-RJ que determinou o cancelamento da partida entre Palmeiras x Flamengo. O Sindicato dos atletas de São Paulo divulgou uma nota oficial apoiando a decisão. Além disso, a entidade reintegrou que é um exemplo a ser seguido.

Nota oficial do Sindicato

“A decisão do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, que adiou a partida entre Palmeiras e Flamengo marcada para este domingo (27), em São Paulo, é um exemplo a ser seguido não apenas para este duelo, mas para todo o restante do Campeonato Brasileiro 2020.
 
A suspensão assinada pelo juiz do trabalho Filipe Olmo defende a ciência e é um duro golpe contra gestores irresponsáveis, que colocam o dinheiro à frente do ser humano.
 
A CBF mais uma vez confirma que está na contramão do mundo, principalmente dos médicos. 
 
Criou um protocolo que nasceu fragilizado, fato que nos levou a defender a criação de um novo documento, enviado em 11 de agosto de 2020, em que solicitamos que a CBF mudasse sua estratégia para que os campeonatos pudessem prosseguir.
 
Na ocasião, tomamos por base dois exemplos utilizados com sucesso pelo mundo: o primeiro na Alemanha, que isolou e testou os atletas com o tempo hábil para que os resultados pudessem ser aproveitados, ou o segundo, da NBA americana, que “blindou” os jogadores e demais membros das equipes em um único complexo esportivo para que a competição transcorresse com um risco mínimo.
 
Portanto, em nosso ponto de vista e com base nas condições de nosso país, reforçado pela posição responsável da medicina, entre elas, a do nosso médico representante, Dr. Renato Anghinah, o retorno do futebol brasileiro só seria possível por um desses dois caminhos.”
Para ter acesso a nota completa, clique aqui
Tathiane Marques

Sobre Tathiane Marques

Tathiane Marques já escreveu 292 posts nesse site..

Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

BetWarrior


Poliesportiva


Tathiane Marques
Tathiane Marques
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

    Artigos Relacionados

    Topo