Everton vence o Chelsea com gol de Sigurdsson

Neste sábado (12), Everton e Chelsea se enfrentaram pela 12ª rodada da Premier League 2020/21. A partida aconteceu no Estádio Goodison Park e marcou o retorno de torcedores ao estádio. Apesar de jogar fora de casa, a maior posse de bola foi dos visitantes. Contudo, o único gol da partida foi marcado por Sigurdsson, de pênalti. Ademais, com a derrota, o The Blues desperdiçou a oportunidade de dormir na liderança do Campeonato Inglês.

1° TEMPO

Com parte da torcida preenchendo o estádio após autorização do governo, uma clemência dos jogadores antes da bola rolar. Todos os jogadores e comissão técnica se ajoelharam em protesto contra o racismo. Todavia, em campo, os visitantes não se intimidaram e logo pressionaram. Por outro lado, como resposta, aos 5′, se atrapalhou e no lance seguinte, o goleiro Édouard Mendy derrubou Calvert-Lewin e o juiz marcou a penalidade. Em continuidade, o capitão Sigurdsson cobrou com categoria e abriu o marcador em favor dos donos da casa.

Melhor em campo, o Chelsea pressionou a todo momento e o empate por pouco não veio aos 24′. James bateu falta perigosa e Pickford espalmou para escanteio. Em continuidade, aos 25′, o camisa 24 do time visitante emendou um lindo chute que resvalou na trave. A insistência continuou e aos 21, após cobrança de falta, Zouma ficou com a bola e chutou no canto, mas o goleiro da casa estava esperto e defendeu. Aproveitando apenas os contra-ataques, The Toffess quase ampliaram em finalização de Richarlison, mas o brasileiro chutou desequilibrado e Mendy afastou o perigo com o pé. Ademais, os mandantes tiveram 27% de posse de bola e chutaram três vezes ao gol, mesmo número de chances dos adversários.

2° TEMPO

A segunda etapa da partida começou agitada e logo aos 46′, Mason Mount, após saída errada de Pickford, chutou por cobertura e a bola caprichosamente tocou no travessão. Contudo, os mandantes se impuseram. Richarlison, aos 51′, puxou contra-ataque, se infiltrou na área e chutou cruzado para Mendy cair e espalmar para fora. Imediatamente, a pressão aumentou e Sigurdsson por pouco não aumentou o marcador em cobrança de falta. Mendy, sem reação, apenas assistiu a bola passar rente à trave. Intimidado, James fez dura falta em Allan e foi advertido com cartão amarelo.

Quando a partida ficou equilibrada, Chilwell derrubou Calvert-Lewin dentro da área e o árbitro marcou a penalidade. Contudo, após análise do VAR, foi constatado o impedimento do atacante. Sem ritmo, o técnico Frank Lampard fez a primeira substituição do jogo. Aos 67′, Havertz saiu para a entrada de Abraham. Apesar dos esforços, o Chelsea pouco conseguiu articular. A melhor jogada saiu aos 80′, quando Mount cobrou falta no contrapé do goleiro e a bola caprichosamente beijou a trave. Em síntese, os visitantes tiveram maior posse de bola (63%), mas não soube aproveitar as jogadas.

E AGORA?

Pela 13ª rodada da Premier League, o Everton jogará fora de casa contra o Leicester City, 4° colocado com 21 pontos. A partida acontecerá no King Power Stadium na próxima quarta-feira (16), às 15h (Horário de Brasília). Por outro lado, o Chelsea enfrentará o Wolves, 12° colocado com 17 pontos. O confronto será no Molineux Stadium, na próxima terça-feira (15), às 15h.

Foto destaque: Reprodução/Everton/Twitter

Iara Alencar
Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Alagoas, apaixonada por esportes e com pretensão de alavancar na carreira de assessoria de comunicação ou imprensa, precisamente no âmbito esportivo (futebol de preferência). O objetivo é aperfeiçoar a construção dos textos, a fim de sair da zona de conforto dos gêneros que estou habituada a escrever (reportagens e artigos opinativos), além de abranger meus conhecimentos pessoais e profissionais. Tenho 23 anos, sou bastante comunicativa, perfeccionista em suas limitações e persistente em tudo o que faço.

Artigos Relacionados