No domingo de La Liga, novamente o dono do dia foi ele: Lionel Messi. O argentino liderou o Barcelona na vitória diante do Levante, com hat-trick e assistência na goleada por 5 x 0. O vice-líder Sevilla também não decepcionou ao fazer o dever de casa. Também com mais três pontos, o Bétis permanece sonhando com a Champions. Enquanto isso, Huesca e Villareal empataram, mantendo suas preocupações com o rebaixamento. Contudo, saiba como foi cada jogo da 16ª rodada do Campeonato Espanhol.

La Liga – 16ª rodada

Sevilla 2 x o Girona

Buscando retomar a vice-liderança da competição, o Sevilla recebeu em casa o intermediário Girona. O primeiro tempo foi equilibrado, mas ainda com o os visitantes jogando no contra-ataque. Porém, na segunda etapa, os mandantes conseguiram se impor. Aos 55 minutos, Ever Banega abriu o placar em cobrança de pênalti, sofrido por Sarabia: 1 x 0.

Aproveitando o bom momento na partida, o Sevilla seguiu no ataque. Com isso, nove minutos depois, em troca de passes consistente, Ben Yadder recebeu na linha de fundo e passou para Sarabia. O espanhol bateu de chapa e o goleiro não conseguiu defender: 2 x 0. Já com o placar nas mãos, o segundo colocado da La Liga tentou o terceiro gol, mas o triunfo por dois de diferença foi o suficiente. Guilherme Arana, entrou nos acréscimos apenas.

Com mais três pontos na conta, os mandantes de hoje retomam o segundo lugar, com 31, três a menos que o líder Barça. O Girona fecha a primeira metade, em décimo com 21 pontos.

Espanyol 1 x 3 Real Bétis

O confronto na Catalunha marcava o embate de times do meio da tabela que buscavam sonhar com a quarta vaga na Champions League. Logo, o jogo foi equilibrado. No primeiro tempo, Sergio Garcia, com assistência do brasileiro Leo Baptistão, abriu o placar aos 24 minutos em chute de dentro da pequena área, à queima-roupa: 1 x 0. No finalzinho da etapa inicial, aos 43′, Lo Celso, ex-PSG, deixou tudo igual ao estufar o ângulo do goleiro adversário, após passe de Canales: 1 x 1.

Já no segundo tempo, o Espanyol precisou avançar mais suas linhas. Também deixou espaços para os contra-ataques.  O jogo se abriu um pouco, mas nos minutos derradeiros a superioridade física do Bétis se acentuou. Aos 84, o ex-Barcelona Tello bateu falta com maestria e pôs seu time à vantagem: 1 x 2. Para fechar o placar, Óscar Duarte marcou contra e decretou o triunfo por 3 x 1 do Bétis.

Agora, os vitoriosos de hoje têm 25 pontos, quatro a menos que o Real Madrid (quarto colocado), ocupando a quinta posição – porém o Alavés joga amanhã, segunda (17), e pode chegar aos 27. Já o Espanyol permanece no meio da tabela, em 11º, com 21 pontos.

Huesca 2 x 2 Villareal

Desespero! Assim estava o clima do jogo entre o lanterna e o primeiro colocado fora da zona de rebaixamento. Em jogo aberto e com superioridade gritante do, por incrível que pareça, lanterna da La Liga, o Huesca abriu o placar aos 43 minutos do primeiro tempo, com Juan Hernández. O gol foi apenas o reflexo dos 11 chutes que os mandantes deram contra os dois dos visitantes.

No segundo tempo, a partida se abriu de vez perante a necessidade da vitória de ambos. Um pouco mais contido, o Huesca ficou na defesa e viu o árbitro acionar o VAR, aos 59′, para confirmar a penalidade cometida por Jovanovic. Aos 60′ o juíz confirmou e um minuto depois, Carlos Bacca empatou: 1 x 1. A festa durou e animação do Villareal durou pouco, pois logo em seguida, aos 63′, Mario Gaspar derruba o atacante do Huesca, também fazendo o pênalti. Diferente de Bacca, Gonzalo Melero chutou para fora, desperdiçando a chance do gol.

Depois disso, o Huesca se animou e começou o bombardeio. Entretanto, em um dos contra-ataques do Villareal, Gerard Moreno colocou os amarelos na vantagem aos 80 minutos: 1 x 2. Os donos da casa não se abateram e persistiram no ataque. Até que aos 93′, já nos acréscimos, Samuele Longo bateu de direita, de dentro da área, para colocar a igualdade no placar (2 x 2) e fazer jus aos 29 chutes do Huesca no jogo, contra os dez do Villareal.

Com o empate emocionante, o Huesca segue na lanterna isolada da La Liga, com apenas oito pontos. O Villareal fica em 17º, com 15, mas pode terminar a rodada no rebaixamento caso o Atlhetic Bilbao, que tem 14 pontos, vença o Alavés na segunda-feira (17).

Levante 0 x 5 Barcelona

Show do Messi! Pela bilionésima vez no Barcelona, o argentino foi decisivo. Primeiramente, Luis Suárez abriu o placar aos 35 minutos, com assistência do argentino: 0 x 1. Depois, aos 43′, o próprio Messi ampliou, dessa vez Busquets foi o garçom com passe em profundidade: 0 x 2. No final do primeiro tempo via-se a superioridade do Barça sendo posta em prática.

Na segunda etapa, Messi continuou seu espetáculo. Logo no primeiro minuto após a volta marcou o segundo no jogo: 0 x 3. Ainda pressionando, os catalães chegaram ao quarto gol, advinha com quem? Lionel Messi, fazendo o seu hat-trick (o 44º de sua carreira), com passe de Vidal: 0 x 4. O Levante mal conseguia se levantar (piadinha do autor, kkkk), principalmente quando Erick Cabaco foi expulso ao  iniciar confusão aos 75′. Não satisfeito, o Barcelona foi para cima e chegou ao quinto gol co Piqué, aos 87′: 0 x 5. Fim de jogo e massacre catalão e argentino ao mesmo tempo.

Líder isolado, o Barcelona, com 34, ainda mantém os três pontos de diferença para o vice,  Sevilla. Enquanto isso, o Levante fica em oitavo, com 22, podendo brigar por vaga na Europa League.

Avatar
Leonardo José
Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção". Twitter: @leo_silva997

Artigos Relacionados