Na próxima quarta-feira (29), o São Luiz recebe o Brasil de Pelotas, em partida válida pela 6ª rodada do 2º turno do Campeonato Gaúcho. Assim, a bola rola a partir das 15h00 (horário de Brasília), no Estádio Antônio David Farina. O confronto marca o término da fase classificatória. Além disso, o jogo coloca frente a frente duas das piores equipes da competição.

SÃO LUIZ

Antes de tudo, o São Luiz de Ijuí, atual 4º colocado do Grupo A, somou apenas quatro pontos, nas cinco partidas que disputou. Por outro lado, demonstrou um recomeço promissor, ao conquistar sua primeira vitória no returno, diante do São José. A equipe alvirrubra tem como grande arma o centroavante Michel, vice-artilheiro do Gauchão com cinco gols. Ainda mais, em sua última partida pelo Campeonato Gaúcho, empatou em 0 x 0 com o Aimoré, no Estádio Cristo Rei.

BRASIL DE PELOTAS

Desde já, o Brasil de Pelotas, lanterna do Grupo B, com apenas quatro pontos somados em quatros partidas, necessita muito da vitória para dar tranquilidade ao trabalho de Hemerson Maria. O técnico é a grande aposta da diretoria para a disputa da Série B. Além disso, a equipe xavante tem uma partida a menos que as demais equipes do seu grupo, logo que, o clássico diante do Pelotas, válido pela 4ª rodada, foi adiado e ainda não há data confirmada. Ainda mais, na partida que marcou o recomeço Rubro-Negro no Gauchão, a equipe foi derrotada pelo Juventude por 1 x 0.

RETROSPECTO – SÃO LUIZ x BRASIL DE PELOTAS

Em síntese, segundo o site “oGol“, São Luiz e o Brasil de Pelotas entraram em confronto por 10 vezes, todas elas pelo Campeonato Gaúcho. Também, ambas equipes jogaram diante de suas torcidas por cinco vezes. Diante disso, o Alvirrubro tem retrospecto melhor no confronto, com quatro triunfos. Ainda ocorreram três empates e outras três vitórias do Xavante. No último duelo, o São Luiz atropelou os Rubro-Negros, pelo placar de 4 x 1,em pleno Bento Freitas.

APOSTA INDICADA E PALPITE

Antes de mais nada, deve ser um confronto muito disputado e acirrado, logo que ambas equipes necessitam voltar a vencer e dar uma resposta ao seu torcedor. E após quatro meses de pandemia, e duas rodadas jogadas, o baixo rendimento não só é notável, como também a falta de ritmo de jogo. Nesse ínterim, o palpite é no empate por 1 x 1.

ODDS: Em breve

Foto Destaque: Divulgação/FNV

Leonardo Oliveira
Leonardo Oliveira
Sou Gaúcho, tenho 21 anos e estudo Jornalismo na Universidade Federal de Pelotas, além disso, como grande aficionado a área esportiva, não consigo imaginar nada que me deixe mais realizado do que falar sobre futebol.

Artigos Relacionados