Santos vence Goiás em jogo com duas expulsões

- O Esmeraldino chegou a empatar no final da partida, mas a arbitragem assinalou impedimento no lance
Santos vence Goiás fora de casa

Com 10 jogadores de cada lado no segundo tempo, o Santos derrotou o Goiás por 3 x 2 neste domingo (4), no Estádio na Serrinha. A saber, a intensidade esteve presente nos desde o começo da partida, com gol nos primeiros minutos. Após empatar os últimos três jogos, o Peixe quase viu o placar ser igualado no fim da partida, mas a arbitragem marcou impedimento. O confronto foi válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

1º TEMPO

Logo aos 4′, o Santos sofreu buracos na defesa. Keko dominou o lançamento vindo da defesa e cruzou para trás. Assim, a bola chegou em Vinícius, que estava livre e se esticou para abrir o placar. O lance ficou em análise por três minutos e, enfim, foi confirmado pelo árbitro. Em seguida, o VAR entrou em ação para revisar o toque de David Duarte em Lucas Braga dentro da área esmeraldina. Pênalti marcado. Marinho na bola. Aos 18′, o camisa 11 do Peixe optou pelo canto direito e mandou para o fundo da rede.

A partir daí, o Santos teria problemas com a arbitragem. Nesse sentido, a bola encostou no braço de Sandro dentro da área, após cruzamento de Marinho. No entanto, o árbitro Marielson Alves Silva não assinalou novo pênalti, mesmo após rever o lance. Além disso, o VAR novamente marcaria presença, por conta da falta de Arthur Gomes em Edílson. Dessa forma, o atacante do Peixe saiu expulso, e a primeira etapa durou 55 minutos.

2º TEMPO

A princípio, o Goiás buscou pressionar os visitantes, com jogadas de Vinícius e Daniel Bessa. Mas a equipe santista ficaria à frente do placar aos 9′, na falha do lateral esmeraldino Jefferson, que desviou a bola após o cruzamento de Pará. Ainda, os donos da casa ficaram com um a menos em boa parte da segunda etapa, em virtude do segundo cartão amarelo aplicado ao zagueiro David Duarte. Dessa maneira, ambos os times contavam com 10 jogadores em campo.

Aos 24′, Marinho arrancou pela direita, sentiu a parte interna da coxa e saiu da partida. Em seu lugar, entrou Marcos Leonardo, que marcaria seu primeiro gol pelo Santos sete minutos depois. Na jogada, Madson cruzou para o atacante ampliar. Vale destacar que a abertura na defesa do Goiás, pois o técnico Enderson Moreira não colocou outro zagueiro em campo após a expulsão. Ainda assim, o time diminuiria o placar com Victor Andrade, aos 39′. O jogador chegou a balançar as redes aos 47′, mas o árbitro assinalou impedimento de Rafael Moura no início do lance.

E AGORA?

Com 20 pontos, o Santos entra no G6 e não perde há dez jogos na temporada. Na próxima quarta-feira (7), o Peixe enfrenta o rival Corinthians, às 19h (horário do Brasília), na Neo Química Arena. Por outro lado, o Goiás segue na lanterna do Brasileirão e tem pela frente o Fluminense, também na quarta-feira, às 20h30.

MELHORES MOMENTOS

Foto destaque: Divulgação/Santos FC

Luma Lane Rodrigues

Sobre Luma Lane Rodrigues

Luma Lane Rodrigues já escreveu 66 posts nesse site..

Meu nome é Luma Lane. Tenho 18 anos, sou da cidade de Barra Mansa, no interior do Rio de Janeiro e estou cursando o segundo período de jornalismo no UBM - Centro Universitário de Barra Mansa. Sempre fui apaixonada na área - em especial no jornalismo esportivo - e entrar para a faculdade me deu ainda mais certeza de que esse é o meu sonho. Gosto bastante de fotografar, ouvir músicas, ler e escrever. Considero o ramo extremamente importante e necessário, pelo contato com o público e por ter a transmissão da verdade como pilar principal. Nesse sentido, meu objetivo é conhecer diferentes culturas, esportes e pessoas, para contribuir de forma cada vez mais eficaz ao mundo. Nesta que é a minha primeira experiência profissional, espero colaborar com meus textos para o crescimento da plataforma, além de aprender com as técnicas do site para evoluir na carreira.

BetWarrior


Poliesportiva


Luma Lane Rodrigues
Luma Lane Rodrigues
Meu nome é Luma Lane. Tenho 18 anos, sou da cidade de Barra Mansa, no interior do Rio de Janeiro e estou cursando o segundo período de jornalismo no UBM - Centro Universitário de Barra Mansa. Sempre fui apaixonada na área - em especial no jornalismo esportivo - e entrar para a faculdade me deu ainda mais certeza de que esse é o meu sonho. Gosto bastante de fotografar, ouvir músicas, ler e escrever. Considero o ramo extremamente importante e necessário, pelo contato com o público e por ter a transmissão da verdade como pilar principal. Nesse sentido, meu objetivo é conhecer diferentes culturas, esportes e pessoas, para contribuir de forma cada vez mais eficaz ao mundo. Nesta que é a minha primeira experiência profissional, espero colaborar com meus textos para o crescimento da plataforma, além de aprender com as técnicas do site para evoluir na carreira.

Artigos Relacionados

Topo