O inglês Wayne Rooney, atacante do DC United da que pretende um dia ser treinador, e que já está estudando para que possa conseguir todos os distintivos para a função no futebol.

“Estou dando os passos para que meus emblemas sejam concluídos e, quando terminar de jogar, veremos as oportunidades que estão surgindo. Já há ofertas que foram feitas, mas no minuto em que ainda sou jogador e quero me divertir jogando e depois veremos quais ofertas estão certas quando terminar.

Mesmo ainda jogando e sem os preparos necessários concluídos, o “Shrek” como é conhecido o jogador no meio, diz que propostas para ele gerenciar algum clube já surgiram propostas, porém, ele mantém sigilo nas tratativas que está fazendo.

“Há uma oportunidade para eu entrar na gerência imediatamente, e quando eu pendurar as chuteiras, essa decisão será tomada sobre qual é a ambição do clube, e quais são minhas ambições e o que é certo para mim mesmo. Essa equipe em particular “.

Rooney e tranquilo com relação ao seu futuro, e ao possível cargo de treinador no meio, graças ao bom desempenho de ex-companheiros de seleção, como o caso de Lampard e Gerrard. O primeiro fez excelente campanha na 2ª divisão da Inglaterra, com o Derby County, onde chegou muito próximo do acesso para a Premier League. Para a próxima temporada, o ídolo do Chelsea acertou seu retorno para os braços da torcida que o consagrou. Já Gerrard está no Rangers da Escócia, foi vice-campeão da liga local, e agrada no seu trabalho.

Sobre Lampard, Rooney afirma que na chegada à Stamford Bridge todos ganham, principalmente os jovens que podem desfrutar dos ensinamentos de quem muito deu ao futebol.

“Eu acho que é brilhante para Frank, mas também para qualquer jovem inglês, ou jogadores que acabaram de chegar, para ver grandes equipes como o Chelsea dando a Frank um oportunidade de provar a si mesmo do que é capaz”

Na última terça-feira (25), Rooney completou um ano jogando nos gramados americanos. Na oportunidade, o experiente atacante tem 23 gols marcados, 40 jogos disputados. Nos Estados Unidos, Rooney alcançou marcas que antes dele pouco se imaginavam, como a ida aos playoffs da temporada passada (o time era lanterna do Leste antes de sua chegada) e marcou um lindo gol na vitória sobre o Orlando City, por 1 x 0. O famoso “gol que Pelé não fez”

Antes do futuro chegar para si, Rooney e seus companheiros de DC United entram em campo nestes sábado (29), às 21h (horário de Brasília). O duelo da vez é contra o Toronto FC, no Audi Field. O time da capital é o 3º colocado no Leste, somente dois pontos atrás do líder Philadelphia Union.

Ruan Silva
Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

Artigos Relacionados