River Plate x Boca Juniors – Prognóstico da rivalidade de gigantes na Libertadores

- Clubes entram em campo na primeira partida em clima de revanche
River Plate x Boca Juniors - Prognóstico da rivalidade de gigantes na Libertadores

O clássico sul-americano está prestes a entrar em campo. Os argentinos do River Plate recebem o rival Boca Juniors nesta terça-feira (1º) às 21h30 (horário de Brasília) no Estádio Monumental Nuñes em Buenos Aires, Argentina. Desta maneira, as equipes decidem na partida de ida pelas semifinais da Copa Libertadores da América 2019. Mas, ainda terão em jogo, as desavenças do resultado na última edição do torneio – em que os Xeneizes amargam a derrota. Assim, o confronto será marcado pelo clima de revanche do visitante que pretende avançar e não deixar o título escapar desta vez.

RIVER PLATE

Com bom rendimento, Los Millonarios mantém o foco no torneio das Américas e na Superliga Argentina não seguem o mesmo caminho. Desta maneira, em oito rodadas da disputa, estão na 7ª posição com 14 pontos e ficando bem distante do líder Boca Juniors. Com duas derrotas na conta, no último sábado (28), garantiu uma vitória importante por 2 x 0 contra o lanterna Gimnasia La Plata – a equipe comandada por Diego Maradona.

Apesar das oscilações no campeonato nacional, o atual campeão da Libertadores 2018 deseja repetir o triunfo do último ano e tentar conquistar o título pela quinta vez na história do clube. Na fase de grupos da competição sul-americana, os argentinos ficaram na 2º posição do Grupo A com dez pontos, e se classificaram para o mata-mata. Assim, nas fases finais até esbarrem no maior adversário atual, venceram as equipes do Cruzeiro (BRA) nas oitavas de final e os paraguaios do Cerro Porteño nas quartas de final. Agora nas semifinais e com a primeira partida jogando em casa, terão o apoio da torcida e a chance de estabelecerem a vantagem para o próximo jogo.

https://twitter.com/RiverPlate/status/1179029395308023810

BOCA JUNIORS

A equipe Azul y Oro está no topo da Superliga Argentina e invicta. Deste modo, são líderes com 18 pontos e sem derrotas em oito partidas. Na último jogo, ficou no 1 x 1 com o Newell's Old boys e manteve o seu lugar. Mesmo com o resultado, ainda segue ameaçado pelo vice-líder San Lorenzo que está com 16 pontos. Com o Argentino em dia, a equipe do técnico Gustavo Alfaro está confiante em todos os sentidos.

Na continuação da Libertadores, os Xeneizes tem um forte elenco carregado pelo “quase perfeito” goleiro Andrada, Tevez, De Rossi, Ábila e companhia. Assim, até chegar as semifinais, foi líder do grupo G na primeira fase com 11 pontos, eliminaram o Athletico Paranaense (BRA) nas oitavas de final. Posteriormente, nas quartas de final, tampouco a altitude foi obstáculo para desbancarem os equatorianos da LDU Quito. Desta maneira, apesar de jogarem fora de casa, como visitantes, terão a missão de esquecer os erros do passado e tentarem vencer o adversário para se garantirem para o segundo confronto na Bombonera.

 

RETROSPECTO

A rivalidade dos dois clubes argentinos são de anos. Ao longo da história do futebol, as equipes já se encontraram em 96 oportunidades. Desta maneira, somente na Copa Libertadores foram 25 confrontos. Entretanto, com leve vantagem o Boca Juniors saiu na frente com dez vitórias, sete empates, oito derrotas e 31 gols anotados no adversário. Por outro lado, o River Plate possui oito vitórias, sete empates, dez derrotas e 24 gols marcados nos Xeneizes.

APOSTA INDICADA

O maior clássico do futebol argentino entra em prova novamente na Libertadores. As duas equipes foram palco da final da competição ano passado e Los Millonarios levantaram a taça de 2018. Entretanto, este ano a situação é diferente. Os anfitriões da primeira partida, em dez jogos do torneio sul-americano, marcaram 13 gols e sofreram seis (média 1,3). Embora não estejam na liderança da Superliga, anotaram 17 gols em oito partidas (média 2,1). Por outro lado, o Boca Juniors é uma equipe temida e tradicional como seu adversário. Mesmo na liderança do Campeonato Argentino, marcaram menos que o rival: nove gols (média 1,1). Porém, na Libertadores foram melhores, com 17 gols engavetados (média 1,7).

Para a partida em casa, o River entra em campo como favorito por ter quatro títulos e ser o atual campeão da competição. Entretanto, recebe um velho conhecido e forte concorrente. A equipe do Boca já possui seis taças e briga pela sétima. Além disso, a equipe Azul y Oro tem o goleiro Esteban Andrada, 28 anos, que está a oito partidas sem tomar gols no torneio. Desta maneira, quebrou recordes e fez história no clube argentino. Com a “muralha Xeneize“, a equipe dona da casa e comanda por Marcelo Gallardo, terá a tarefa difícil de conquistar a primeira vitória.

Na última partida que as duas equipes se encontram no Argentino (5ª rodada), o placar se manteve no 0 x 0. Assim, com essa prévia do clássico, o primeiro confronto pode se manter equilibrado e o resultado ficar tudo igual, levando a decisão para o jogo de volta. O site RIVALO está pagando 3,30 pelo empate dos times argentinos.

ODDS: V1 (1,90) | X (3,30) | V2 (4,30)

 

Foto destaque: Reprodução/SporTV/Copa Libertadores

Amanda Cruz

Sobre Amanda Cruz

Amanda Cruz já escreveu 186 posts nesse site..

Sou Amanda Cruz, formada em História e estudante de jornalismo. Paulistana, filha de pernambucanos e atualmente moro em Lorena/SP. Despertei minha paixão pelo futebol na Copa de 2006 e desde lá o amor só cresceu. Curiosa sobre o esporte e amante de História, gosto de estar sempre por dentro do assunto: acompanho boa parte de notícias e jogos, principalmente das ligas internacionais. O futebol é um esporte emocionante e como uma boa (futura) jornalista, escrever sobre ele é demais!

BetWarrior


Poliesportiva


Amanda Cruz
Amanda Cruz
Sou Amanda Cruz, formada em História e estudante de jornalismo. Paulistana, filha de pernambucanos e atualmente moro em Lorena/SP. Despertei minha paixão pelo futebol na Copa de 2006 e desde lá o amor só cresceu. Curiosa sobre o esporte e amante de História, gosto de estar sempre por dentro do assunto: acompanho boa parte de notícias e jogos, principalmente das ligas internacionais. O futebol é um esporte emocionante e como uma boa (futura) jornalista, escrever sobre ele é demais!

    Artigos Relacionados

    Topo