Reus aconselha Sancho a permanecer no Borussia Dortmund

Em entrevista ao ‘Sport Bild', Marco Reus falou sobre a situação de Jadon Sancho, seu companheiro de ataque no Borussia Dortmund. O inglês é um dos jovens mais promissores do futebol mundial e segue em ascensão, onde é especulado em grandes clubes da Europa. Dessa forma, experiente, aos 30 anos, Reus disse que, para ele, o ideal seria Sancho atuar por mais algum tempo na Alemanha e, assim, se desenvolver ainda mais como atleta antes de se mudar.

Meu conselho para o Sancho seria de ficar no Dortmund por mais um ano, talvez dois. No meu ponto de vista, não há melhor lugar para ele no momento. Ele pode dar um grande salto e se tornar um jogador ainda mais completo, desenvolvendo em paz e atuando como titular. Em um novo clube ele teria de encontrar seu espaço, algo que não é sempre fácil para alguém de apenas 20 anos – disse Reus, ao Sport Bild.

O camisa 11 do Dortmund também pensa no que o clube alemão pode atingir caso Sancho permaneça. No entanto, reconhece que será difícil para o clube alemão segurar Sancho no elenco. “Ele está jogando em um nível ainda mais alto do que no último ano e seria muito importante para conquistarmos nossos objetivos”. Somente nesta temporada, que ainda não foi concluída (se que é que será), Sancho marcou 17 gols e distribuiu 18 assistências em 35 partidas disputadas.

CLUBES INTERESSADOS EM SANCHO

Sancho foi contratado pelo Borussia Dortmund junto ao Manchester City por 9,7 milhões de euros (cerca de R$ 42,68 milhões na cotação da época). Dessa maneira, a princípio, os Citizens, por questão contratual, tem uma primeira cláusula de ‘preferência’ pelo jogador. Entretanto, segundo o jornal ‘Mirror', o Manchester United fará uma proposta de 120 milhões de libras (cerca de R$ 720 milhões na cotação atual) à equipe alemã para contratar o jovem para seu elenco. Além disso, outros clubes ingleses estariam interessado no jovem inglês, principalmente o Chelsea.

Há alguns dias, Hans-Joaquim Watzke disse que não impediria uma possível saída de Sancho do Borussia, caso o próprio atacante queira deixar a Alemanha. O que não seria a primeira perda de Reus, que na história mais recente viu Dembele, Pulisic e Aubameyang saírem do Dortmund. Além disso, Lewandowski, Hummels e Mario Götze se mudarem para o rival Bayern de Munique – os dois últimos já retornaram.

O AMOR DE REUS PELO BORUSSIA DORTMUND

Em meio a isso, Reus permanece no Dortmund desde que foi contratado do Mönchengladbach. O atacante alemão já soma mais DE 266 partidas pelo clube, por qual marcou 129 gols. “Sempre foi meu sonho jogar pelo BVB. Aqui tenho tudo para ser feliz: minha casa, minha família, meu clube. Esse sentimento sempre permaneceumesmo que um clube de outro país com outra cultura tivesse sido mais atraente”, finalizou.

Thiago Lopes
Thiago Lopes, 20 anos. Estudante de jornalismo - 6º semestre.

Artigos Relacionados