Retrospectiva 2015: A morte do futebol carioca – Parte 3

Dando continuidade a nossa série “Retrospectiva 2015: A morte do futebol carioca” chegamos a parte 3, onde vamos falar da metade do 2º turno do campeonato brasileiro.

O primeiro turno do brasileirão chegou ao fim, se inicia agora a segunda metade do campeonato. Mesmo com a derrota para o rival na Copa do Brasil o Flamengo não se abateu, com a chegada dos reforços o rubro-negro começou uma grande arrancada e com 6 vitórias seguidas foi de 13º para 4º colocado. O maior destaque do time era o meio campista Alan Patrick.

Enquanto o Fla arrancava, o Fluminense foi ladeira abaixo. Com os garotos jogando bem o tricolor acabou vendendo os principais destaques do time, Ronaldinho não conseguiu se encaixar no elenco, mal conseguia sair do banco, e o tricolor acabou perdendo 5 das ultimas 6 partidas e conseguiu apenas 1 ponto em 15 possíveis, terminando a 25º rodada em 11º lugar. O Vasco continuava em ultimo, após 3 derrotas seguidas e uma goleada de 6 a 0 sofrida sobre o Inter, o cruzmaltino iniciou uma recuperação após vencer 2 partidas seguidas. Mesmo assim continuava na lanterna a 8 pontos atrás do 16º. Na série B, após 4 vitórias seguidas, o Botafogo liderava com 4 pontos de distancia depois de 25 rodadas.

A boa fase do Rubro-negro chega ao fim após perder para o Coritiba, depois disso foram 7 derrotas em 9 jogos. Guerrero não balançava as redes e começava a ser questionado pela torcida. Com as derrotas o Flamengo foi parar na 11º colocação. O Fluminense continuou sem se recuperar, no mesmo período (9 jogos) ganhou apenas 3 e perdeu 6, amargando a 13º posição.

A maior marca dessa péssima fase foi a saída de Ronaldinho. Dois meses depois e com apenas 9 jogos pelo clube, apenas 2 como titular, Ronaldinho e Fluminense rescindiram o contrato por mútuo acordo. O time que brigou por G4 já começava a olhar para baixo. O Vasco continuava a luta para sair do rebaixamento, nesses 9 jogos o cruzmaltino ficou 7 jogos invictos, porém só teve 2 vitórias (uma delas novamente contra o Flamengo) e mesmo sem sair do Z4 ficou apenas a 2 pontos de realizar o sonho. O Botafogo continuava sua tranquila campanha para o retorno a série A, com 5 vitórias e 2 empates em 9 jogos, o glorioso conseguiu uma distancia de 5 pontos para o segundo colocado.

Avatar

Sobre João Pedro Pinheiro

João Pedro Pinheiro já escreveu 18 posts nesse site..

Minha paixão por futebol começou já na barriga da minha mãe. Nasci no ano do tetra, 23 de Outubro de 1994, no mesmo dia que nasceu Pelé e meu ídolo Léo Moura. Aos 20 anos larguei a faculdade de arquitetura no meio do caminho para fazer o que eu amo, falar e debater sobre esportes. Atualmente, com 21 anos, estou cursando faculdade de jornalismo.

BetWarrior


Poliesportiva


Avatar
João Pedro Pinheiro
Minha paixão por futebol começou já na barriga da minha mãe. Nasci no ano do tetra, 23 de Outubro de 1994, no mesmo dia que nasceu Pelé e meu ídolo Léo Moura. Aos 20 anos larguei a faculdade de arquitetura no meio do caminho para fazer o que eu amo, falar e debater sobre esportes. Atualmente, com 21 anos, estou cursando faculdade de jornalismo.

    Artigos Relacionados

    Topo