Renan Gorne encerra passagem pelo Confiança

Confiança e Renan Gorne encerraram nessa quarta-feira (3), o contrato entre as partes. Dessa forma, o jogador não atua mais com a camisa do Dragão do Bairro Industrial. O atacante deixa o clube como artilheiro do time no ano, encerrando sua 2ª passagem por Aracaju.

Fim da passagem de Renan Gorne pelo Dragão

Renan Gorne retornou ao Confiança em 2022, depois de passagem pelo Remo. Assim, o jogador marcou 13 gols em 26 jogos na atual temporada. Pelo Dragão, o atacante foi o artilheiro do Campeonato Sergipano 2022, com 11 tentos assinalados.

No geral, Renan Gorne atuou por 88 jogos com a camisa azulina. Sua 1ª temporada foi em 2019, quando o Confiança conquistou o acesso para a Série B do Brasileirão. Nesse período foram 27 gols marcados pelo clube. Atualmente, ele não vinha atuando visto que teve uma lesão que afastou dos gramados da reta final da Série C. Gorne aceitou uma proposta para atuar no futebol exterior.

Pelo Dragão, fez parte do elenco campeão do Campeonato Sergipano 2020. Sua última partida com a camisa azulina foi no dia 17 de julho, quando atuou por apenas 17 minutos, tendo sido substituído devido a uma lesão de grau dois no posterior da coxa.

Sequência da temporada para o Confiança

Dessa maneira, o Confiança segue sua preparação para o próximo duelo da temporada. No próximo domingo (7), o clube encara o Brasil-RS, no Estádio Bento de Freitas. A partida que acontece às 11h (horário de Brasília) tem como principal fator a permanência para o Dragão do Bairro Industrial. No momento, está na 15ª posição da tabela com 20 pontos somados.

O Confiança terá duelos diretos contra o rebaixamento. Depois do Brasil-RS, o clube encerra a 1ª fase contra o Atlético-CE, no próximo sábado (13), às 17h (horário de Brasília). O palco será a Arena Batistão, onde o Dragão detém bom retrospecto jogando na Série C. Por fim, o clube terá a 1ª chance de confirma o acesso, caso vença o Xavante no próximo domingo (6).

Foto destaque: Divulgação/ADC

Victor Castro
Sou de Sergipe e sempre tive o sonho de trabalhar na área dos esportes. Acredito que esse mundo mexe com um dos sentimentos mais nobres de cada um, a paixão. E o jornalismo, o meio de eternizar grandes momentos através de roteiros que cativam as pessoas. Assim, cheguei ao jornalismo esportivo, onde procuro transmite os momentos dos esportes através das palavras.

Deixe um comentário