Quem são os artilheiros do Brasil no futebol olímpico?

O futebol nos Jogos Olímpicos foi o segundo esporte coletivo a entrar oficialmente na grade da competição, ficando atrás apenas do polo aquático, em 1908.

A primeira participação do futebol brasileiro aconteceu na Olimpíadas de 1952, em Helsinque, representada por um time de jogadores amadores, como era o padrão da época. Desde então foram 15 participações do futebol masculino e 5 do feminino.

Sobre artilharia no masculino, que estreou ontem, 4, contra a Africa do Sul, no empate sem gols, o ex-atacante Bebeto ainda é o maior artilheiro brasileiro nos Jogos, com oito gols marcados. Ele marcou 2 gols nos Jogos Olímpicos de 1988 e terminou o torneio de 1996, quando foi convocado entre os 3 acima dos 23 anos, empatado na artilharia com Hernan Crespo, da Argentina, com 6 gols.

Companheiro de Bebeto no ataque tetracampeão mundial, o baixinho Romário é o segundo na lista. Com apenas 23 anos, o atacante fez sete gols na edição de 1988, quando o Brasil perdeu a decisão para a União Soviética. Até hoje, ele é o recordista de gols em uma única edição do torneio olímpico.

Por fim, Leandro Damião completa o top 3. Na época atleta no Internacional, ele marcou seis vezes no torneio de 2012, sendo um gol na estreia, contra o Egito, outro contra a Nova Zelândia, dois contra Honduras e dois contra a Coreia do Sul, na semifinal.

BetWarrior


Poliesportiva


Jonathan Silva
Jonathan Silva
Um jornalista de 23 anos que simplesmente ama futebol. Trabalhou nos jornais Folha Metropolitana e Metrô News, de São Paulo, todos como repórter. Atualmente é assessor na empresa TBL Comunicação. Por paixão, há três anos criou o blog Gol de Canela Futebol Clube, que procurar contar um pouco sobre história do futebol.

    Artigos Relacionados

    Topo