O PSV Eindhoven anunciou, esta sexta-feira (28), a contratação de Bruma. O atacante português chega ao clube holandês proveniente do RB Leipzig, tendo rubricado um contrato válido por cinco temporadas. O ponta esquerda esteve muito perto de ser reforço do FC Porto, mas acabou por escolher o PSV de última hora. Em declarações ao site do time holandês, Bruma explicou a decisão. O clube não revelou os números oficiais do negócio, que terá sido feito por um valor a rondar os 15 milhões de euros.

“Não foi fácil. Foi difícil porque houve muita pressão. Mas eu já tinha dado a minha palavra ao PSV, tinha dito que vinha para cá e cumpri a minha palavra. Estou feliz por estar cá”, esclareceu o jogador de 24 anos.

“Este é um clube que ajuda os jovens a crescer, dão-lhes liberdade. E tem um bom treinador. Já passaram aqui grandes jogadores que estão agora nos maiores clubes da Europa. Foi por isso que optei por vir para cá”, acrescentou ainda.

https://twitter.com/futebolnaveiabr/status/1144706926015631360

O treinador do clube analisou a contratação:

“Tem qualidades fantásticas e encaixa perfeitamente no nosso estilo de jogo. Tem só 24 anos, mas muita experiência. Esteve em diferentes ligas e sabe o que é preciso para jogar a um nível internacional”, elogiou o treinador, Mark van Bommel.

O técnico adiantou que Bruma era um jogador referenciado e que, muitas vezes, pode não existir uma primeira oportunidade financeira para chegar a esses alvos do clube, mas que pode surgir, posteriormente, uma nova hipótese.

“Quando um jogador está no nosso radar, claro que tentamos assinar com ele quando a oportunidade bate à porta. Estávamos preparados para lhe oferecer um contrato. Estamos felizes por ter escolhido o PSV, num acordo com benefícios mútuos”, acrescentou van Bommel.

Alexsander Vieira
https://bit.ly/3nAiB4l

Artigos Relacionados