PSG dá sinal verde em recuperação de Neymar

- Os médicos Eric Rolland e Rodrigo Lasmar afirmam que o craque da seleção brasileira está "bem melhor que antes"

Em comunicado oficial na manhã deste domingo (29), o Paris Saint-Germain confirmou uma evolução bastante satisfatória das lesões no tornozelo e no pé direito de Neymar.

O clube adiantou que os médicos da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, e do PSG, Eric Rolland, autorizaram o final de toda a imobilização e proteção que o atacante utilizava. O jogador continuará o restante da recuperação no Brasil e também no centro de treinamento da equipe francesa, em Paris.

Foto: Instagran oficial do jogador

O craque da Seleção e do PSG se recupera da fratura no quinto metatarso e da torção no tornozelo. Ambas as lesões ocorreram em um lance no jogo contra o Olympique de Marselha, pelo Campeonato Francês, em fevereiro deste ano.

Próximos passo do jogador

Foto: Folha de S.Paulo

Recentemente, Neymar participou de uma entrevista no qual afirmou que, de acordo com o posicionamento dos médicos que o acompanham desde o início da sua lesão, a data prevista para retornar aos treinos no PSG está marcada por volta do dia 17 de maio, ou seja, faltando pouco menos de um mês para a Copa do Mundo. Vale lembrar que a seleção brasileira estreia contra a Suíça no dia 17 de junho às 15h, em Rostov. Antes disso, a “Canarinho” ainda terá dois amistosos nos dias 3 e 10 de junho: Croácia às 15h e Áustria às 11h, respectivamente.

Ao longo da entrevista, o jogador manifestou seu grande desejo em defender a Seleção Brasileira durante a Copa. “Espero não poder ver a Copa do Mundo pela TV … Esperei quatro anos para enfrentar esse campeonato, então procuro chegar com boa disposição”, disse Neymar em tom irônico.

O atleta explica que no momento, o próximo passo é recuperar-se totalmente da lesão e poder ajudar os colegas do seu atual clube, o PSG.

Colaboração: João Messias de Souza

Paulino Henjengo

Sobre Paulino Henjengo

Paulino Henjengo já escreveu 39 posts nesse site..

Paulino Henjengo Nachipipa Martins, angolano e jornalista pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Go). Em Anápolis trabalhou no Jornal Contexto como repórter colaborador, e no Jornal O Bairrista como Repórter e cinegrafista, além de estagiar no Canal 5 como cinegrafista. Atualmente exerce a função de inspetor de ensino na Faculdade Anhanguera de Anápolis desde março de 2015, e é mestrando em Sociologia pela Universidade Federal de Goiás (UFG) e pôs graduando em Docência Universitária pela Faculdade Anhanguera de Anápolis.

BetWarrior


Poliesportiva


Paulino Henjengo
Paulino Henjengo
Paulino Henjengo Nachipipa Martins, angolano e jornalista pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Go). Em Anápolis trabalhou no Jornal Contexto como repórter colaborador, e no Jornal O Bairrista como Repórter e cinegrafista, além de estagiar no Canal 5 como cinegrafista. Atualmente exerce a função de inspetor de ensino na Faculdade Anhanguera de Anápolis desde março de 2015, e é mestrando em Sociologia pela Universidade Federal de Goiás (UFG) e pôs graduando em Docência Universitária pela Faculdade Anhanguera de Anápolis.

    Artigos Relacionados

    Topo