Projeto do novo San Siro já é sonho de Milan e Inter desde 2019 (Foto destaque: Reprodução)

O Elliott Management, fundo americano e dono do Milan desde 2018, decidiu seguir com a ideia de construir um novo estádio na área do San Siro. De acordo com o MilanNews, os mandatários do clube deram o aval para que as negociações continuem. Além disso, estão dispostos a seguir com o projeto sem a Inter.

Há alguns meses, problemas de administração nos rivais de cidade dos Rossoneros interferiram no andamento das conversas com a Prefeitura de Milão. Mais recentemente, alguns veículos italianos chegaram a noticiar que Zhang Jindong, dono do Grupo Suning, poderia estar de saída da equipe.

Agora, o Grupo Elliott pretende seguir em frente, independentemente da vontade da Inter. De qualquer forma, uma resposta do clube azul e preto deve ocorrer nas próximas semanas.

Projeto ambicioso

Em maio de 2020, MilanInter apresentaram uma proposta de R$7,5 bilhões para revitalizar o San Siro. No entanto, os clubes precisaram atender a algumas condições impostas pela prefeitura da cidade. Assim, prometeram diversas melhorias, como a construção de um complexo esportivo nos arredores do estádio e a renovação da área verde em seu entorno.

Entre os dois projetos finalistas (Anéis de Milão e Catedral), há uma preferência pelo último. Dessa forma, se escolhido, o design da empresa Populous traria uma galeria de vidro em volta do estádio, fazendo referência ao Duomo e à Galeria Vittorio Emanuele II. Por fim, a Prefeitura de Milão já tem autorização para a demolição do San Siro, mas ainda não há uma data para que isso aconteça.

Foto destaque: Reprodução

Avatar
Rafael Sant'Ana
Escolhi o jornalismo porque sou apaixonado por informação e esportes desde sempre. Tenho o sonho de exercer a profissão no exterior. Dedicação e interesse por estudar são algumas de minhas marcas.

Deixe uma resposta