premier

Os 20 clubes participantes da Premier League participaram de uma longa video-conferência nesta segunda-feira (11). Foi uma reunião para tentar estabelecer e discutir maneiras viáveis do retorno do futebol inglês. Além disso, os mesmos conversaram sobre como colocar em prática a Operação “Restart“. Assim, autoridades do governo britânico deram sinal verde para o reinício de todos os esportes profissionais do país. No entanto, uma das medidas de segurança e respeito ao isolamento social seria os jogos realizados sem públicos e em campo neutro.

“Não jogaremos até o meio de junho e parece errado falar em jogar antes de tomarmos a decisão de voltar ao primeiro estágio de treino”, disse Richard Masters, CEO da Premier League.

REJEIÇÃO PRATICAMENTE UNÂNIME

A previsão é de que os esportes já voltem nas primeiras semanas de junho. Porém, ainda não há uma data confirmada nem mesmo sequer planos para a volta dos treinos. Além do mais, a proposta da possibilidade de jogos realizados em campo neutro foi rejeitada por mais da metade dos clubes. Uma decisão quase unânime. Assim, o argumento é de que esta medida poderia afetar a fase final da competição, além de ir contra os princípios desportivos.

Por outro lado, além de haver a rejeição em relação às partidas neutras, muito se entende por parte dos clubes a necessidade de adotar protocolos cabíveis para a segurança de todos quando retornar a competição. O retorno também é bastante defendido. Apesar de o Liverpool estar, praticamente, com a mão na taça, ainda há uma disputa por vagas na Champions League e para se salvar do rebaixamento, situação de Aston Villa e Brighton, por exemplo. Além disso, existem contratos de patrocínios masters a serem respeitados envolvendo clubes e competição.

Foto destaque: Divulgação/Mundo da Bola/Twitter

Lucas Marllon
Escolhi jornalismo pois é a área que me atrai interesse em estudar e me vejo atuando. O Jornalismo esportivo é uma das áreas que pretendo interesse em atuar porém não é a única ambição. Aquilo que surgir oportunidade estarei pronto pra antes de tudo ser um bom jornalista.

Artigos Relacionados