Pjanić

Miralem Pjanić chegou em setembro de 2020 ao Barcelona. Entretanto, o atleta ainda não mostrou o bom futebol dos tempos de Roma e Juventus. Além disso, o jogador sofreu uma lesão que o tirou dos gramados por alguns jogos. Em contrapartida, o meio-campista esta à disposição do técnico Koeman e pode receber uma oportunidade.

O complicado início de Pjanić

O jogador estava muito bem na Juventus. Em resumo, na La Vecchia Signora, Miralem jogou 178 partidas, marcou 22 gols e deu 41 assistências. Dessa forma, o Barcelona mostrou interesse na compra do atleta. Assim, em setembro de 2020, o Barça anunciou a troca envolvendo Arthur e Pjanić.

Então, o brasileiro que estava sendo criticado na Espanha, foi para a Juventus. Por outro lado, o bósnio chegou com bastante expectativas. Afinal, foi muito bem na Itália. Contudo, as coisas não foram como o esperado. Ronald Koeman não está gostando dos jogos de Miralem. Assim, o atleta começou a perder espaço no elenco.

Uma nova chance para o jogador

Sem dúvidas, Pjanić é um bom jogador. O meio-campista mostrou isso nos times anteriores. Dessa maneira, após voltar de lesão, o camisa 8 pode ter uma nova chance para mostrar trabalho. Diante do PSG, pela UEFA Champions League, Miralem entrou em campo pela última vez. Essa partida ocorreu no dia 10 de março. Assim, mais de um mês fora por conta de problema físico e opção técnica.

Por fim, diante do Granada, o meio-campista pode receber uma oportunidade entre os titulares, ou entrar na segunda etapa. Na partida diante da Juventus, pela fase de grupos da Liga dos Campeões, o atleta foi muito bem na vitória de 2 x 0 do clube da Catalunha. O bósnio já disse que não quer sair do Barcelona na próxima janela de transferência. Então, Pjanić deve mostrar um bom rendimento neste fim de temporada.

Foto destaque: Divulgação/ Miralem Pjanić

Avatar
Caio Henrique de Oliveira
Eu escolhi jornalismo simplesmente por amar futebol. Desde 2016 eu tenho essa vontade de ser jornalista e trabalhar com esse esporte. Eu já trabalhei durante três anos em uma rádio aqui da minha cidade, lá eu fazia um programa de música e também um programa esportivo. Meu objetivo é trabalhar fora, possivelmente na Europa falando sobre o futebol europeu. Minha personalidade é de estar de bom humor na maioria do tempo.

Deixe uma resposta