Peñarol vence Cerro Largo e força uma final no Clausura

- O triunfo aurinegro deixou a equipe empatada com Nacional na liderança, forçando uma final do torneio
Peñarol

Na noite dessa quinta-feira (5) o Estádio Campeón del Siglo recebeu Peñarol x Cerro Largo, pela última rodada do Clausura Uruguaio. Por certo, os aurinegros entraram em campo com chances reais de título. Mas também possuíam importantes desfalques como Cebolla Rodríguez e Xisco Jiménez. Mesmo assim, os anfitriões levaram a melhor e superaram os Arachanes pelo placar de 2 x 1. Os destaques foram os dois golaços marcados por Luis Acevedo e Ignacio Lores. Agora os aurinegros disputaram a final do torneio diante do Nacional.

1º TEMPO

Conforme a importância desse jogo, a equipe aurinegra começou a todo vapor. Dominaram as primeiras ações e incomodaram o arquero Washington Aguerre. Como resultado, aos 7′  Agustín Canobbio fez boa jogada individual pela esquerda e levantou a pelota na área. Após um bate rebate, Lucas Viatri dominou meio sem jeito e serviu Luis Acevedo. O camisa 30 aproveitou a sobra e mandou uma bomba, abrindo os trabalhos em Montevidéu. O Cerro respondeu de maneira quase instântanea. Depois de um lançamento em profundidade, Sebastián Assis conseguiu a infiltração na defesa adversária e ficou mano a mano com o goleiro. Atento, Thiago Cardozo salvou o Peñarol, preservando o 1 x 0.

Logo em seguida os Arachanes assustaram os anfitriões mais duas vezes. A primeira foi após uma bola levantada na área, Bruno Téliz subiu mais que a zaga, mas o camisa mandou para fora. Quatro minutos depois, Assis teve mais uma chance, que também foi desperdiçada. Por outro lado, o Peñarol não se abdicou de atacar e quase ampliou a vantagem com o argentino Lucas Viatri aos 26′, e com Acevedo dois minutos depois. Ambos acertaram o alvo, mas pararam em Aguerre.

2º TEMPO

Necessitando do empate, os Arachanes seguiram a mesma tônica do 1º tempo: atacar, atacar, e atacar. O arquero Cardozo foi incomodado três vezes consecutivas. Como resultado de toda essa pressão, na terceira chance, Hugo Dorrego arriscou um zapatazo. O camisa 7 acertou o alvo e sacramentou o 1 x 1 no Campeón del Siglo. Todavia, o Cerro Largo quase ampliou novamente com Dorrego, que fez grande jogada e bateu firme, para uma defesaça de Thiago Cardozo. Enquanto, os visitantes dominavam as ações, o Peñarol tentava responder de alguma maneira. A resposta demorou, mas chegou. Nos acréscimos Ignacio Lores subiu, testou e confirmou o triunfo Bolso pelo placar de 2 x 1.

E AGORA?

Conforme o triunfo, o Peñarol terminou o Clausura com os mesmos 36 pontos do líder Nacional. Desse modo, os arquirrivais deverão fazer uma final para decidir o título. Por outro lado, o Cerro Largo encerrou sua participação na 5ª posição do Clausura. Além disso, os Arachanes também estão classificados para a próxima Copa Libertadores.

Foto destaque: FocoUy / Gastón Britos

BetWarrior


Poliesportiva


Luciano Massi
Luciano Massi
Me chamo Luciano Massi, tenho 20 anos, sou paulistano. Estou no 6º semestre do curso de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Desde criança fanático pelo futebol dentro e fora das quatro linhas, histórias que vão além do esporte. Produzo o Derbicast, podcast voltado ao futebol alternativo, dando enfâse aos esquecidos. Entretanto, nunca me dei bem com a bola...

    Artigos Relacionados

    Topo