Pelotas x novo hamburgo

Na noite desta quarta-feira (22) o Brasil de Pelotas encarou o Novo Hamburgo, no Estádio Boca de Lobo, pela primeira rodada do Campeonato Gaúcho. O jogo acabou no 0 x 0 depois de ambas equipes não conseguirem concluir as finalizações. No entanto, os cartões marcaram bastante presença na partida. Foram cinco ao todo, todos amarelos, sendo quatro deles para a equipe do Novo Hamburgo.

1º TEMPO

O jogo começou com o primeiro cartão amarelo aos três minutos após falta de Romano em Jô. O segundo veio logo os oito minutos, agora para o Pelotas. Entretanto, a partida foi monótona, os donos da casa não propuseram jogo e Novo Hamburgo criou melhor. A primeira chance do adversário de abrir o placar foi aos 36 minutos, Bertotto chutou e o goleiro Douglas defendeu. Ademais, Nícolas aproveitou rebote na entrada da pequena área, mas também chutou pra fora. Antes disso, o Novo Hamburgo recebeu novo cartão amarelo por falta de Kesley em Juliano. Foi o terceiro somente no primeiro tempo.

2º TEMPO

A etapa final começou com o Hamburgo com perigo de gol. Juba invadiu a área mas bateu cruzado e a bola passou raspando na trave para o lado de fora. Contudo, ele tentou de novo aos oito minutos, mas a bola também não entrou. Foi a vez do Pelotas aproveitar a bola parada para abrir o placar, porém Juliano desperdiçou ao bater na barreira. Da mesma maneira, Jô perdeu a melhor chance do Pelotas e chutou para fora. O jogo acabou 0 x 0, depois de muitas chances desperdiçadas pelos dois time no Boca do Lobo.

E AGORA?

A próxima rodada acontece no domingo (26). Portanto, o Pelotas encara o Inter, em Porto Alegre às 19h (horário de Brasília). No mesmo dia, o Novo Hamburgo enfrenta o Ypiranga, no Estádio do Vale às 17h ( horário de Brasilia). Ambos os duelos são válidos pelo Grupo A do campeonato.

Foto Destaque: Reprodução/ Twitter @Mateustrindade

Avatar
Caroline Leal
Meu nome é Caroline Leal, tenho 23 anos e estudo jornalismo na Universidade São Judas Tadeu (USJT). O jornalismo para mim, é o privilégio de fazer tudo o que amo de maneira cada vez mais desafiadora. Sou apaixonada por futebol e basquete, e acredito que através da escrita, podemos transpassar esse amor aos leitores. Como objetivo tenho: Ser uma das melhores jornalistas e sonho em ser correspondente esportiva. Faço jobs voluntário na área de comunicação e mídia e as vezes me arrisco como fotógrafa amadora.

Artigos Relacionados