Paulista sub-20: Bugre se despede do torneio com 6º lugar e foca na Copinha

A equipe sub-20 do Guarani definiu no último domingo (5) seu futuro no Campeonato Paulista. No jogo de volta das quartas de final, o Bugre visitou a Ferroviária na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara e foi eliminado do Paulista sub-20.

Na partida de ida, o adversário venceu por 3 x 0 no Brinco de Ouro. Portanto, o Guarani buscava reverter essa desvantagem para garantir um lugar nas semifinais. O time teria que devolver a diferença de três gols para levar à disputa de pênaltis ou conseguir uma vantagem maior para levar no tempo normal.

Antes da partida, o técnico Alexandre Penna admitiu o desafio, mas garantiu confiança no trabalho da equipe para lutar até o fim pela classificação.

“É o jogo mais importante do campeonato para nós. Temos que ir lá, enfrentar um grande adversário e buscar reverter. Assim como eles vieram aqui e conseguiram a vitória, nós podemos ganhar lá e voltar com a classificação”, diz o treinador.

“Esse é o objetivo. O time está 100% focado na classificação e já mostrou que pode dar a volta por cima. Vamos procurar fazer um bom jogo, não cometer os erros da primeira partida e tentar chegar entre os quatro melhores do Campeonato Paulista”, acrescenta Penna.

A equipe sub-20 do Guarani encerrou neste domingo (5) sua participação no Campeonato Paulista da categoria. No jogo de volta das quartas de final, o Bugre foi derrotado pela Ferroviária por 2 x 0 e finalizou a campanha no torneio na 6ª posição entre 54 equipes.

Com o bom desempenho, superior ao do ano passado, quando chegou nas oitavas de final, o time foca suas atenções na disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, que tem início previsto para janeiro.

O jogo do Paulista sub-20

Primeiramente, precisando reverter a desvantagem do jogo de ida, o Guarani começou o jogo buscando o ataque e foi do Bugre a primeira finalização da partida, em chute de Caio. O time, no entanto, foi surpreendido com o gol da Ferroviária aos 8′.

Então, passado o impacto pela abertura do placar, o Guarani comandou as ações da partida no decorrer do 1º tempo. A equipe teve posse de bola, volume ofensivo e criou algumas oportunidades. Bruno Bianconi, de cabeça, quase empatou. Assim, Renanzinho e Caio também tentaram, mas pararam no goleiro adversário.

Dessa forma, o Bugre voltou do intervalo com a mesma postura e tentando o empate. A iniciativa, no entanto, gerou espaços para o contra-ataque dos donos da casa e foi assim que a Ferroviária ampliou o placar. O Guarani tentou até o fim descontar o marcador, mas o time não foi feliz nas finalizações e acabou sofrendo a derrota.

Escalação: Lucas Cardoso; Biel, Bruno Bianconi (Guilherme), Kauan e Eliel (Albino); Couto, Alê (Deco) e Gabriel (Alan); Wermeson, Caio e Renanzinho. Técnico: Alexandre Penna.

Foto destaque: Divulgação/ Thomaz Marostegan/Guarani FC

Kelvin Vendito
O amor ao esporte me direciona ao futuro. A paixão pelo grito de gol que se ouve em um estádio lotado, mostra o futuro certo que escolhi para a minha vida. O esporte sempre fez parte da minha vida. O esporte é minha vida!