Paquetá e Vinicius Jr. dão show em vitória do Flamengo

- Mengão bateu o Ceará em Fortaleza e assumiu a liderança do Brasileirão

Em tarde inspirada e com uma postura diferente da partida anterior, o Flamengo joga bem e bate o Ceará por 3 x 0 neste domingo (29), em Fortaleza. Uma marcação no campo ofensivo dificultou muito a saída de bola da equipe da casa. Cuellar, Paquetá e Vinicius Junior têm atuações de encher os olhos, com isso Rubro-Negro se impõem como visitante no Castelão.

Após ser agredido em um aeroporto no Rio de Janeiro, Diego teve seu gol como o momento de maior destaque da partida. Na comemoração, correu o campo inteiro para comemorar e reverenciar a torcida do Flamengo. Após o embate, disse que jamais pensou em deixar o clube e afirmou que, se for preciso, andará escoltado para seguir jogando de vermelho e preto. Porém, o maior destaque do jogo foi o garoto Vinicius Junior, que anotou dois gols e decidiu o confronto para os cariocas.

1º Tempo

Primeira etapa bem diferente do time apático e recuado que foi visto em Bogotá. Os cariocas dominaram o jogo. Aos 25 minutos a bola levantada na área do Ceará sobrou limpa para Paquetá, que encheu o pé obrigando uma ótima defesa do goleiro Éverson.

Momento do toque final do primeiro gol do jogo (Foto: Reprodução)

Aos 34 minutos, o atacante cobrou falta venenosa, e o goleiro espalmou. Já aos 41, Cuéllar deu um lindo passe para Vinicius Jr, e o garoto tocou por cima de Éverson, abrindo o placar.

2º Tempo

Logo antes de completar um minuto da segunda etapa, Arthur, destaque do Ceará, cortou a defesa carioca e chutou pra fora. Logo aos 7 minutos, Paquetá recuperou uma bola no campo de ataque e esticou para Rodinei, que cruzou na medida para Vinicius Jr ampliar. Aos 25 minutos, Diego fechou a conta e a noite em alto estilo. Rodinei cobrou escanteio, Paquetá raspou e o camisa 10 cabeceou, decretando assim a vitória e um início de reaproximação entre torcida e Flamengo.

Diego comemora gol nos braços da torcida (Foto: Reprodução/Futura Press)

Logo após marcar o gol, Diego correu o campo para comemorar o gol com a torcida no Castelão. Depois, se ajoelhou diante dos rubro-negros.

Ainda sobre o ocorrido

Depois do empate no meio de semana por 0 x 0 diante do Santa Fé, na Libertadores, o time do Flamengo foi alvo de protestos com níveis de hostilidade diferentes, mas insatisfação alta em todos eles nos últimos dias.

Autor de dois gols, Vinicius Junior comentou sobre os incidentes na saída do intervalo. “Lamentável o que aconteceu no Rio, mas é para mostrar que nosso grupo está sempre unido, focado em dar vitórias ao Flamengo. Não importa o que acontecer, a gente sempre vai mostrar raça.”

Diego disse que houve agressão, mas ressaltou todo o carinho com a torcida. “Nada vai mudar. Eu amo esses torcedores. Jamais vou esquecer os momentos que me proporcionaram. Não foi uma quase agressão, houve agressão. Mas não podemos generalizar. A torcida do Flamengo é maravilhosa. Gostaríamos de corresponder. Nem sempre conseguimos. Podemos errar na pontaria, mas jamais por omissão. Temos que botar a cara e lutar para que existam outros dias como o de hoje. A torcida deu uma aula hoje de como apoiar. Mais que merecido para eles”.

Próximos jogos

Líder do Campeonato Brasileiro com sete pontos, o Flamengo volta a campo no próximo domingo (6), às 16h contra o Internacional, no Maracanã. No mesmo dia, o Ceará, 18º colocado com apenas um ponto, vai a Arena Corinthians enfrentar o atual campeão brasileiro, às 11h.

Melhores momentos:

BetWarrior


Poliesportiva


Matheus Carvalho
Matheus Carvalho
Sou Matheus Carvalho, carioca, tenho 20 anos e curso Jornalismo. O esporte sempre esteve na minha vida e provavelmente sempre estará. E como todo brasileiro sou apaixonado por futebol

    Artigos Relacionados

    Topo