Pelas oitavas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2019, o Palmeiras recebe o Figueirense na Arena Capivari, em Capivari, cidade do interior de São Paulo, às 21h45 (horário de Brasília). O Verdão chega a esta fase da competição após eliminar o Galvez-AC. Já o Furacão Catarinense bateu o Trindade-GO na fase anterior.

Palmeiras

Em busca do primeiro título na competição, o Alviverde já foi vice-campeão em 1970 e 2003, além de nove semifinais. Contudo, só “bateu na trave”. Mesmo sem levantar o caneco, jogadores importantes já disputaram o torneio pelo time, como: Marcos, Diego Cavalieri, David Braz, Ilsinho, Elias, Taddei, Vágner Love e Gabriel Jesus. Visando este feito inédito, o time buscou focar na experiência, guardadas as devidas proporções, em ter no elenco jogadores que já disputaram a Copinha. Dos 25 jogadores relacionados, cinco disputaram o torneio pelo Palmeiras em 2018: Matheus Teixeira, Iago, Matheus Neris, Léo Passos e Wesley, e outros seis por outros clubes: Gomes (ABC), Mateus Barbosa (Figueirense), Helder (Ituano), Hélio (Remo), Thiago Alves (G. Novorizontino) e Marcos Antônio (Botafogo-SP).

E se o time se basear no momento da base, é favorito ao título. 2018 foi o ano mais vitorioso da história da base do Palmeiras. O clube venceu 23 títulos do Sub-10 ao Sub-20 (todas as categorias venceram ao menos uma taça no ano). Destacam-se o Brasileiro Sub-20, o Mundial de Clubes Sub-17, na Espanha, e os Paulistas Sub-20, Sub-17 e Sub-13, entre outros. Além dos ditos anteriormente, destaca-se também o título da Copa RS, um dos principais torneios da categoria, com vitória sobre o São Paulo na final, o bicampeonato paulista, a Copa Santiago Sub-18 e de dois torneios na Europa: a CEE Cup, na República Tcheca, e o Terborg Toernooi, na Holanda.

https://twitter.com/Palmeiras/status/1084993571864883201?s=19

O Palmeiras tem muitos desfalques na Copinha. Sete jogadores do time foram convocados por seleções para o Sul-Americano Sub-20, no Chile: Papagaio, Vitão, Alan, Gabriel Menino, Gabriel Furtado, Luan Cândido (Seleção Brasileira) e Aníbal (Seleção do Paraguai). Além deles, ficaram fora por lesão Magrão (goleiro), Tomás (meia) e Gabriel Barbosa (atacante). Mas o técnico Wesley Carvalho, que comanda o Sub-20 do Verdão desde maio de 2017, está sabendo tirar o melhor dos atletas que estão no grupo. O time tem a artilharia bem dividida na Copinha. Os nove gols da equipe na competição foram marcados por oito jogadores diferentes. Josué é o maior goleador, com dois marcados.

Provável escalação: Matheus Teixeira; Marcus Meloni, Patrick de Lucca, Iago e Lucas Esteves; Matheus Neris, Patrick de Paula e Wesley; Airton, Guilherme Vieira e Lincon. Técnico: Wesley Carvalho.

Figueirense

Uma das melhores equipes da competição até então, o Figueira enfrentará uma das mais difíceis equipes do torneio. Por mais que tenham um título e o rival não, o histórico de confrontos não favorece os Alvinegros. Os times já se enfrentaram três vezes na história das Copinhas, com duas vitórias palestrinas e uma derrota. Pela primeira fase, o Verdão venceu em 2001 e 2002, por 2 x 0 e por 3 x 1, respectivamente. A única derrota aconteceu 2008, pela segunda fase da competição, por 1 x 0, justamente no título do Furacão.

Porém, os catarinenses estão invictos na competição e têm um dos mais promissores jogadores da competição: João Diogo. O atacante tem sido decisivo e já marcou seis gols em cinco jogos, inclusive o gol da vitória sobre o Flamengo na 2ª fase e na fase anterior marcou duas vezes na goleada sobre o Trindade. No último confronto, inclusive, outra peça surgiu:Nicholas. O garoto saiu do banco e guardou dois tentos, causando dor de cabeça ao técnico Fábio para este jogo frente aos paulistas.

Link

“Estou muito feliz pela minha fase individual, mas mais satisfeito ainda pelo desempenho de todo o time e pela campanha que estamos fazendo. Está todo mundo se doando ao máximo na competição. Vamos em busca do bicampeonato!”, declarou o centroavante João Diogo que, mesmo longe de Florianópolis, João Diogo pediu apoio da torcida alvinegra para o confronto contra o Palmeiras: “Estamos felizes com a nossa campanha, mas ainda não conquistamos nada. Por isso, contamos com o apoio de toda a nação alvinegra. Sabemos que será um confronto muito difícil, mas vamos lutar até o fim e estamos todos juntos na busca pelo nosso objetivo”, declarou o camisa 9.

Provável escalação: Vinicius; Weverton, Wesley, Alessandro e Alison; Jean, Bruno, Echaporã e Carlinhos; João Diogo e Gabriel. Técnico: Fábio Matias.

Retrospecto

Na estreia na Copa São Paulo, o Alviverde venceu o Galvez por 2 x 0. Na rodada seguinte, bateu o XV de Piracicaba por 1 x 0 e fechou sua participação na primeira fase com um derrota para os donos da casa, o Capivariano, pelo placar mínimo. Na segunda e terceira fase, venceram o Vitória-BA e novamente o Galvez, ambos por 3 x 0. Já o Figueirense segue com 100% de aproveitamento. Na primeira fase golearam o CRB por 4 x 0, depois viraram sobre o Botafogo-SP, 2 x 1 e a Itapirense, 3 x 2. Na fase seguinte despacharam o tetracampeão Flamengo-RJ e na sequência eliminaram o Trindade.

Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, criado em Taboão da Serra, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.
https://bit.ly/EricFilardi

Artigos Relacionados