País de Gales vence

Na tarde dessa quarta-feira (14), o País de Gales e a Finlândia venceram Bulgária e Irlanda, respectivamente, por 1 x 0 e se garantiram na próxima fase da UEFA Nations League 2020/21. Dessa forma, mesmo com duas rodadas para o fim, a única briga no grupo 4, da Liga B, será a da liderança, que por enquanto está com os galeses.

UEFA Nations League – 4ª rodada do grupo 4 da Liga B

Finlândia 1 x 0 Irlanda

A Finlândia chegou primeiramente na partida. Aos 16′, Albin Granlund serviu Glen Kamara, o meio-campo finalizou, mas o chute foi parar no meio do gol. Após isso, a Irlanda foi quem causou mais perigo. Com meia hora de partida, Aaron Connolly finalizou por duas vezes, na primeira o goleiro defendeu e na segunda a bola foi para fora. Ainda na primeira etapa, Teemu Pukki também perdeu uma oportunidade.

E assim como a outra partida do grupo, o jogo foi definido no segundo tempo. Mas antes do gol, a Irlanda por pouco não abriu o placar na finalização na trave de Enda Stevens. E como diria o poeta, a bola pune. Dois minutos depois dessa oportunidade, a Finlândia definiu o certame. Dessa forma, cruzamento na área irlandesa, o zagueiro O'Shea falhou feio e deu de graça para Fredik Jensen marcar o único gol da partida.

Bulgária 0 x 1 País de Gales

Mesmo sendo líder do grupo e grande favorito, o time de Ryan Giggs começou com cinco jogadores na defesa. Mas nem isso impediu as ações ofensivas dos galeses. Assim, com apenas sete minutos, Joe Rodon recebeu escanteio próxima a pequena área. Entretanto, a finalização do zagueiro saiu para fora. Pouco tempo depois, o goleiro búlgaro trabalhou em cabeçada de Tyler Roberts.

Mas a vitória só sairia aos 40 minutos da segunda etapa. Escapada pela direita do ataque, Neco Williams cruzou rasteiro e Jonny Williams completou na primeira trave. Dessa forma, os galeses garantiram a primeira colocação do grupo, chegando aos 10 pontos.

Foto Destaque: Divulgação/FA Wales

Avatar
Carlos Vinícius Amorim
Carlos Vinícius Amorim, 21 anos, atualmente cursando jornalismo pelo amor ao futebol, que se iniciou lá em 2005, com apenas seis anos de idade, já imaginam qual o clube né. Sempre se informando e informando aos outros, buscando referências e fontes. Como o jornalismo manda.

Artigos Relacionados