Emprestado pelo Arsenal ao Atlético de Madrid, o volante Lucas Torreira não está feliz no futebol europeu. O jogador perdeu recentemente sua mãe, que se tornou mais uma vítima da Covid-19. Desde então, o atleta tem demonstrado desejo de retornar ao continente sul-americano e ganhou o apoio de seu pai, Ricardo Torreira, que em entrevista à rádio “Continental”, da Argentina, implorou que os Gunners vendam negociem o meia.

“O Lucas está sofrendo muito para ficar sozinho aí na Europa, estamos vendo como podemos acompanhá-lo neste mês e meio até o final da temporada. Quando você perde uma pessoa como a gente, querida, você percebe que a vida acontece para ti do outro lado. Se o Lucas quer vir ao Boca, que venha”, afirmou.

A fala de Ricardo vai de encontro com a declaração do jogador após a morte da mãe. Assim, na ocasião, Torreira afirmou que deseja defender as cores do Boca Juniors, clube pelo qual sempre torceu.

“Na noite que minha mãe faleceu, era umas 4h da manhã, e um dos primeiros a receber a notícia foi meu representante. Eu logo lhe disse isso: “Não quero mais jogar na Europa. Quero ir para o Boca. Não é uma decisão influenciada pela minha mãe. Sempre disse que queria jogar no Boca. Morro de vontade de jogar no Boca e sempre vou dizer isso. Não só pelo meu momento. Se não é agora, em junho, ou depois. Morro pelo Boca”, disse o jogador na ocasião.

Contudo, Ricardo também afirmou que o jogador tem recebido sondagens de equipes brasileiras, mas não revelou quais estariam interessadas.

“Lucas não conhece a Argentina, mas é torcedor do Boca quando menino. Obviamente, essa é a primeira opção para ele, mas já recebi outras ligações de times brasileiros se o Boca conhecer não acontecer”, revelou.

Carreira de Torreira na Europa

Cria das categorias de base do Montevideo Wanderers, do Uruguai, Torreira se profissionalizou já no Pescara, da Itália. Logo o uruguaio chamou atenção da Sampdoria, por onde jogou de 2016 até 2018. Dessa forma, após disputar a Copa do Mundo de 2018, o volante se transferiu para o Arsenal, da Inglaterra, que pagou cerca de 28,6 milhões de euros pela sua contratação.

Contudo, sem espaço com a chegada de Mikel Arteta, o volante foi emprestado pelos Gunners ao Atlético de Madrid na atual temporada e deve ficar nos Colchoneros até junho deste ano. Até o momento, já disputou 22 partidas, marcou um gol e deu uma assistência no time da capital espanhola.

Foto Destaque: Reprodução/Getty Images

Renan Liskai
Renan Liskai
Muito prazer! Sou Renan Liskai, paulista, natural de Santo André. Desde 1998 falando, respirando, sorrindo, chorando e enlouquecendo por futebol. A vida de goleiro não deu certo, mas o jornalismo sempre esteve ali. Descobri que se não podia estar dentro de campo ou das quadras, eu poderia estar do lado de fora, mas sempre vivendo tudo isso. Sou daqueles que não perde um jogo de futebol por nada, seja ele qual for. Costumo dizer que esse esporte é assunto mundial e que não há uma pessoa no mundo que nunca tenha falado sobre tudo que acontece dentro e além das quatro linhas. Assim como todo mundo, carrego uma história e experiências. Sou filho, irmão, neto, amigo e sempre serei um eterno aprendiz dessa vida.

Deixe uma resposta