O título em jogo

O líder Palmeiras, o próspero Atlético Mineiro, a dupla grenal, os meninos da vila, o Flamengo de Guerrero, ou por que não o Corinthians de jogadores tão voluntariosos? Chegando a um terço do brasileirão, desenha-se esse cenário para os possíveis postulantes ao título de 2016, porem com tamanha igualdade técnica, quais os fatores poderiam determinar ou influenciar tais favoritos?

Como diria um autor desconhecido, comecemos pelo começo e assim sendo falemos do Palmeiras. Com o fim da 12º rodada o time de Cuca, líder com 25 pontos, mostra melhora significativa de suas qualidades técnicas, principalmente quando joga no Allianz Parque, onde soma até o momento seis vitórias com 16 gols marcados e apenas um sofrido, gol irregular marcado pelo atacante Grafite do Santa Cruz, lembrando que a vitória sobre o Grêmio por 4 x3 teve como palco o estádio do Pacaembu. A regularidade que o Palmeiras ainda busca são vitórias e principalmente o bom futebol quando atua longe de seus domínios, derrotas contra Ponte Preta, São Paulo e Cruzeiro essas duas últimas jogando um futebol muito abaixo do normal, demonstram o ponto de fraqueza do alviverde. Um ataque rápido e mortal é o que busca Cuca, tendo como principal aliado o jovem Gabriel Jesus, artilheiro da competição com nove gols marcados, o atacante porem pode desfalcar a equipe por até um mês, já que defenderá a seleção brasileira nos jogos olímpicos do Rio de Janeiro. O Palmeiras certamente lutará pelo 1º lugar até o fim, pois o presidente Paulo Nobre fará de tudo para encerrar seu mandato com um título nacional.

Em segundo lugar com 22 pontos, surpreendentemente para muitos, está o Corinthians. Mesmo com o enorme baque de perder seu grande líder, o técnico Tite para a seleção brasileira, o Timão hoje dirigido por Cristovão Borges ainda mantém as bases defensivas sólidas do antigo treinador e consegue fazer um campeonato bem acima do esperado. Mesmo com um ataque tecnicamente enfraquecido, liderados pelo Paraguaio Angel Romero, o Corinthians continua muito forte em sua Arena, até o momento foram seis jogos, com um empate e cinco vitórias. Não acredito que tenham força e elenco para disputar o titulo até o final, mas não ha dúvida que lutaram pelo G4, afinal o que não falta nesse elenco corintiano é fibra, obediência tática e um técnico capaz, por mais que até alguns próprios torcedores fiéis possam não acreditar.

Seguimos com os gaúchos Grêmio e Inter respectivamente em 3º e 4º lugar, sendo que o Grêmio com vitória sobre o Santos superou seu maior rival que foi derrotado pelo Flamengo jogando fora de casa. A curiosidade da dupla grenal é irregularidade em momentos que todos esperam o contrario. O tricolor gaucho joga um futebol mais leve possui um ataque rápido tendo como destaque o jovem Luan, enquanto o colorado atual de forma mais pragmática e tem na figura de seu técnico, o ex-zagueiro Argel um espelho dentro de campo. O Grêmio já realizou um belo campeonato em 2015 e manteve a base, creio que tenha mais condições de pleitear o título até o fim, já que possui um técnico moderno e disposto a lutar por vitórias, enquanto o lado vermelho do sul, diferente de sua tradição de times tecnicamente brilhantes, esteja preferindo não perder para depois ganhar seus jogos.

Os últimos postulantes ao título nesta analise, lembrando que é um parecer até esse primeiro trecho do campeonato são Flamengo, Santos e o Atlético Mineiro. O rubro negro carioca vem sim sendo uma grata surpresa na competição, tirado por alguns como um possível candidato no inicio por contar com o técnico Muricy Ramalho, parecia se desmanchar após a saída do técnico, mas o trabalho do até agora interino Zé Ricardo vem sendo bem feito. O Flamengo ocupa a 5ª posição com 20 pontos e tem como trunfo ser o melhor visitante da competição, foram até o momento três vitorias fora dos seus domínios, lembrando que como o Maracanã está sendo cedido ao Comitê olímpico para os jogos do Rio, o Flamengo tem mandado seus jogos em locais distintos como Brasília e Cariacica, no Espírito Santos. O futebol está longe do ideal, mas tendo Rever, Alan Patrick e Guerrero como base o Flamengo pode sim sonhar com lugares mais altos, mas não acredito em título, apenas postulante a G4.

Os meninos da Vila parecem ter deixado de lado a fama de, “o Santos só ganha o Paulistão”, ao menos o bom futebol e os resultados podem sim deixar animados os torcedores do alvinegro. Em 6º lugar na competição, o Santos continua com o mesmo futebol rápido e empolgante do segundo semestre de 2015, porem a grande preocupação é janela de transferências. Lucas Lima, Gabigol e Ricardo Oliveira devem sofrer forte pressão para deixar a equipe, caso isso aconteça dificilmente Dorival conseguirá lutar ao menos por uma vaga na Libertadores do ano que vem, por outro lado se o presidente Modesto segurar esse trio, as chances de lutar nas primeiras posições são altíssimas, pois considero a equipe titular santistas a melhor time do Brasil, ainda mais com o auxilio do alçapão da Vila Belmiro.

Por fim chegamos ao Atlético Mineiro, clube que vive fase de ascensão com Marcelo Oliveira. Em sua chegada o técnico multi campeão em anos anteriores, sofreu para conseguir sua primeira vitória, foram quatro derrotas consecutivas, o que levou muitos a crer que um dos melhores times do Brasil em 2015, iria lutar contra o Rebaixamento no ano de 2016. Na atual 7ª colocação com 19 pontos, o galo soma três vitórias seguidas e uma crescente no seu futebol, o ataque possui nomes como Fred, Robinho e brilhante equatoriano Cazares, que vem sendo destaque nos últimos jogos. O Grande problema de Marcelo é encontrar o equilíbrio nesse time, pois apesar de um ataque fortíssimo, a equipe possui uma defesa muito exposta, o que pode dificultar as coisas na luta pelo título brasileiro, grande sonho dos atleticanos, visto que última vez que isso ocorreu foi no longínquo ano de 1971.

A meu ver nesse momento da competição, projetando os cinco meses restantes para o fim do torneio, em uma analise de equipe, elenco, técnico e estrutura colocaria em ordem Palmeiras, Grêmio e Atlético Mineiro como os principais nomes ao título do brasileirão 2016, porem esse mesmo campeonato já nos mostrou que mudanças são sempre possíveis e bem vindas ao seu final. Quem viver verá!

Acompanhe e curta o Futebol na Veia, o melhor site de futebol do Brasil.

Avatar

Sobre Murilo Ribeiro

Murilo Ribeiro já escreveu 6 posts nesse site..

Nascido em 1988, sou um apaixonado por historias do futebol, principalmente as ocorridas nos anos 90, período em que considero a “ÉPOCA DE OURO” desse esporte no Brasil. Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas Rio Branco, tenho como grande sonho ganhar a vida falando, escrevendo e narrando o maior esporte desse planeta, o Futebol. Sou fascinado pelo esporte e pelos meios de comunicação que fazem sua cobertura.

BetWarrior


Poliesportiva


Avatar
Murilo Ribeiro
Nascido em 1988, sou um apaixonado por historias do futebol, principalmente as ocorridas nos anos 90, período em que considero a “ÉPOCA DE OURO” desse esporte no Brasil. Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas Rio Branco, tenho como grande sonho ganhar a vida falando, escrevendo e narrando o maior esporte desse planeta, o Futebol. Sou fascinado pelo esporte e pelos meios de comunicação que fazem sua cobertura.

    Artigos Relacionados

    Topo