River Plate campeão

No memorável 18 de Maio de 2014, em partida válida pela última rodada do Campeonato Argentino. O River Plate vencia o Quilmes pelo placar de 5 x 0 e se sagrava campeão nacional pela 35ª vez. Conquistando assim, o seu primeiro título após o maior vexame de sua história: o rebaixamento para a Série B no ano de 2011.

Os Millonarios entraram em campo no Monumental de Nuñez, sob o olhar e incentivo de 60 mil torcedores, precisando apenas de um empate para se sagrar campeão. Pois bem, o time comandado pelo técnico Ramón Díaz, fez muito mais do que isso e acabou goleando seu oponente.

Os gols da partida foram marcados pelo veterano Fernando Cavenaghi (duas vezes), Mercado, Ledesma e Téo Gutierrez. Dessa forma, o placar elástico consolidou de vez a campanha excepcional do River, que encerrou o torneio com 37 pontos, cinco a mais do que os rivais Estudiantes e Gimnasia y Esgrima, que até então, ainda disputavam o campeonato ponto a ponto, até a última rodada.

O título simbolizou o ressurgimento das ‘cinzas', levando o River de volta a Libertadores da América. Encerrando assim, uma seca que já durava seis anos sem conquistar um título nacional.

RELEMBRAR É VIVER

O dia mais triste da gloriosa história do River Plate, está prestes a comemorar nove anos no próximo dia 26 de Junho. O empate frente ao modesto Belgrano por 1 x 1 no ano de 2011, em pleno Monumental de Nuñez lotado, fez com que os Alvirubros comandados por Daniel Passarella, enfrentassem o primeiro rebaixamento em 110 anos de sua existência. Gerando assim, um enorme alvoraço e comemoração na Argentina por parte de seus rivais, especialmente pelos Hinchas do Boca Juniors.

Foto Destaque: Reprodução / ESPN 

Avatar
Lucas Bertuzzi
Tenho 25 anos e estou no 7º semestre do curso de Jornalismo na faculdade São Judas Tadeu. Minha facilidade ao falar em público e principalmente minha paixão pelo esporte, em especial o futebol. Me fizeram ingressar na comunicação social, com um só intuito: ser repórter esportivo.

Artigos Relacionados