O Fim de uma Era

No último domingo (31), os fãs do futebol inglês, mais precisamente do Chelsea Football Club, receberam uma triste notícia: John Terry deixará o clube após 21 anos.

O zagueiro ainda atuará pelos Blues durante a temporada 2016, já que seu contrato, que expirará em dezembro, não será renovado pela diretoria. A notícia foi dada pelo próprio atleta após vitória de 5×1 sobre o MK Dons, em partida válida pela Copa da Inglaterra.

“Eu fiquei sabendo antes do jogo contra o Arsenal (último dia 23) que meu contrato não seria renovado (…) Não será um fim de conto de fadas. Não vou me aposentar no Chelsea. Será em outro lugar. Mas, como eu disse, eu soube antes do jogo contra o Arsenal e meu desempenho não mudará – como eu treino, como eu me doo para o clube. Quero dar tudo, 100% e terminar em alta no clube.”, declarou o camisa 26.

Visivelmente abalado por anunciar sua despedida do clube de coração, Terry provavelmente seguirá o exemplo dos compatriotas Steven Gerard e Frank Lampard, ícones de Liverpool e do próprio Chelsea, respectivamente, e irá jogar nos Estados Unidos, onde lucrará com contrato milionário antes de se aposentar.

Eleito melhor defensor da Europa nas temporadas 2007-08 e 2008-09, as principais qualidades do beque inglês sempre foram o posicionamento e antecipação à jogadas de ataque, raça e liderança dentro de campo, sendo capitão dos Blues desde 2005. Terry também é famoso por escândalos extracampo, onde teve envolvimento amoroso com a esposa de seu colega, o então jogador do Manchester City, Wayne Bridge. O episódio fez com que Terry perdesse a faixa de capitão da seleção inglesa para Rio Ferdinand, além de ficar desprestigiado perante o mundo do futebol britânico. O camisa 26 dos Blues também foi acusado de perturbação à ordem pública e racismo, porém foi considerado inocente em ambas acusações.

No Chelsea desde 1998, Terry participou, como titular, de todas as glórias recentes do clube, atingindo o ápice ao conquistar a UEFA Champions League 2012-13 e a Premier League 2014-15.

Aos 35 anos, John Terry soma 695 partidas e 65 gols pelo Chelsea, sendo o terceiro jogador que por mais vezes vestiu a camisa do clube na história.

BetWarrior


Poliesportiva


Avatar
Vinícius Deguar
Jornalista de 23 anos e estudante de Comunicação Social na UNG/SP, escrevo para o Site Futebol na Veia desde novembro de 2015 e sou especializado no núcleo do futebol paulista, cobrindo principalmente o cotidiano dos quatro grandes do estado de São Paulo. Aprendi como um time deve jogar bola vendo o Barcelona holandês-catalão de Cruiff, Rijkaard, Davids, Overmars e cia. limitada. Possuo o futebol em minhas veias desde criança. Contato: [email protected]

    Artigos Relacionados

    Comments are closed.

    Topo