No radar do Leicester, Jonathan Tah abre as portas para mudança à Premier League (Foto: Reprodução/Getty Images)

No Bayer Leverkusen desde 2015, o zagueiro Jonathan Tah pode deixar o elenco na próxima janela. Recentemente, seu nome entrou em pauta entre membros da diretoria do Leicester. Sendo assim, em entrevista ao site “Goal”, o defensor revelou o desejo de um dia jogar na Premier League. Além disso, declarou que o Campeonato Inglês é o melhor do mundo.

“A Premier League me atrai, sempre foi assim. Sempre tive a sensação de que meu estilo de jogo se adequaria bem à Inglaterra. A fisicalidade da liga e a necessidade de pensar rápido são qualidades que combinam com o meu jogo. As opiniões divergem quanto a qual liga é a melhor do mundo – para mim é a Premier League”, afirmou.

Com 24 anos, Tah é visto como um dos defensores mais promissores do futebol alemão nos últimos anos. Assim, desde 2016 vem recebendo chances na seleção comandada por Joachim Löw. O atual contrato do zagueiro com o Bayer Leverkusen vai até junho de 2023. Dessa forma, caso queira contratar o atleta, o Leicester deverá pagar algo próximo de seu valor de mercado, que é de 20 milhões de euros. Além dos Foxes, o Arsenal também aparece como possível destino do jogador na Premier League.

Na atual temporada, Jonathan Tah fez 10 jogos com a camisa dos Lowens. Contudo, apesar de julgar o tempo em campo abaixo do ideal, o zagueiro garantiu que pode desenvolver o seu melhor futebol ainda.

“Pode parecer estranho porque não tenho jogado muito ultimamente, mas estou convencido de que posso chegar ao nível mais alto no futebol. Já dei um passo em frente, tanto a nível desportivo como pessoal, mas não sei aonde vou acabar. Tenho de estar convencido de que uma transferência vai me ajudar”, finalizou.

Foto Destaque: Reprodução/Getty Images

Renan Liskai
Renan Liskai
Muito prazer! Sou Renan Liskai, paulista, natural de Santo André. Desde 1998 falando, respirando, sorrindo, chorando e enlouquecendo por futebol. A vida de goleiro não deu certo, mas o jornalismo sempre esteve ali. Descobri que se não podia estar dentro de campo ou das quadras, eu poderia estar do lado de fora, mas sempre vivendo tudo isso. Sou daqueles que não perde um jogo de futebol por nada, seja ele qual for. Costumo dizer que esse esporte é assunto mundial e que não há uma pessoa no mundo que nunca tenha falado sobre tudo que acontece dentro e além das quatro linhas. Assim como todo mundo, carrego uma história e experiências. Sou filho, irmão, neto, amigo e sempre serei um eterno aprendiz dessa vida.

Artigos Relacionados