Nico De La Cruz em ação

O meia Nico de la Cruz, do River Plate, está no Uruguai com sua família, em regime quarentena, esperando que a situação melhore. Dessa forma, em live pelo Instagram, o jogador do River participou de um bate-papo. Portanto, falou sobre alguns temas, como sua relação com Marcelo Gallardo, Juan Román Riquelme. Contudo, também comentou sobre sua carreira no River Plate, futebol argentino, dentre outros assuntos.

RIVER PLATE

Perguntado do que se recorda do River Plate, disse: “O melhor clube. Tudo, das pessoas, do estádio, das instalações, daqueles que trabalham dia após dia. Pessoas impressionantes me surpreendem dia após dia. Pessoas em hotéis. Pré-temporada San Martín de los Andes, mais de dez quilômetros de pessoas“.

https://twitter.com/RiverPlate/status/1167233023311568901

GALLARDO

Multicampeão pelo River Plate, o técnico Marcelo Gallardo foi outro tema da conversa: “Gallardo me ensinou muito. Aprendi  a jogar sem bola. São treinamentos curtos, específicos e claros. Até porque trabalhamos muito em campo. Felizmente, estamos indo bem. Marcelo deu ao clube muitos títulos. Ele não é por acaso, ele trabalha muito “.

FUTEBOL ARGENTINO

O jogador afirma sobre a impressão de jogar no futebol argentino: “Em primeiro lugar, eles são muito apaixonados, vivem muito. Eles sentem muito mais do que nós. Somos meio loucos. Pensei que estava pronto, mas faltava muito. A pressão, o estado físico, o ritmo terrível“.

FINAL DE MADRID

Nico foi campeão da Libertadores em 2018, jogando no Santiago Bernabéu. Sendo assim, disse: “Eu experimentei de fora, mas era como estar lá dentro. A adrenalina daquele dia é incomparável. Ao assistir TV, os jornalistas comentaram. Esperávamos o que aconteceria. Chegamos à Madri e caímos. Não caímos de lá. Continuamos como em uma nuvem“.

ONDE GOSTARIA DE JOGAR

De La Cruz tem o sonho de atuar no exterior. Assim, comenta seu desejo: “Gosto muito do futebol inglês. E do espanhol também. Ligas muito competitivas. Tudo pode acontecer, hoje não sei responder o que vai acontecer.”

ÍDOLOS NO FUTEBOL

Como todo jogador, Nico teve jogadores que serviram como inspiração no futebol: “Eu cresci olhando para meu irmão, Ronaldinho, Robinho. Eu ainda preciso crescer em tudo. Em todos os aspectos da vida e do futebol. Fisicamente, mentalmente, sou mais forte“.

A promessa do River também comentou sua relação com Riquelme. Por outro lado, respondeu se jogaria no rival Boca Juniors: “Adorei como jogador, mas está do outro lado. Porém, eu não iria para o Boca“.

CARREIRA

Nicolás De La Cruz é o irmão mais novo de Carlos Sánchez. Dessa forma, deseja jogar junto com ele. Natural de Montevidéu, Nico deu seus primeiros passos como jogador no Liverpool-URU, em 2011. Com isso, ficou no clube uruguaio até 2016. Assim, no meio de 2017, se transferiu ao River Plate. Nos Millionarios, De La Cruz, evoluiu e conquistou títulos. Dessa forma, ele atrai interesse de clubes europeus como o Borussia Dortmund. Inclusive, o Santos estaria monitorando o jogador. No entanto, o atacante tem contrato até junho de 2021 com o River.

Foto destaque: Reprodução / Diario Popular

André Lobato
Sou André Lobato, jornalista de Contagem-MG. Sempre gostei de esportes, em especial o futebol. Foi assim que me tornei jornalista. Amo contar histórias. Atualmente, sou repórter de Futebol Internacional no Portal Esporte News Mundo e setorista do Atlético, no Portal Fala Galo. Também sou criador do @futebolcuriosidade_ no Instagram.

Artigos Relacionados