PSG vence o clássico da rodada, mas lesão de Neymar rouba a cena

Neymar é um dos jogadores que mais sofre faltas fortes, isso explica muitas contusões, como o metatarso e a coluna. Dessa forma, um estudo divulgado nesta segunda-feira (19) pelo Observatório de Futebol CIES indica que o brasileiro é quem mais sofre faltas nas cinco grandes ligas europeias na temporada 2020/21.

O camisa 10 do PSG sofre uma falta a cada 20 minutos e 39 segundos, tendo sido alvo de 14 infrações adversárias com 289 minutos em campo na temporada. Dessa maneira, fica a frente de Angelo Fulgini, do Angers (20:56), e Yangel Herrera, do Granada (21:24). Ademais, o brasileiro Richarlison está no top 10, em 8º lugar, com uma média de 25 minutos e 50 segundos. A tabela segue abaixo:

  1. Neymar (PSG) – 20:39
  2. Angelo Fulgani (Angers) – 20:56
  3. Yangel Herrera (Granada) – 21:24
  4. Ignatius Ganago (Lens) – 21:28
  5. Arnaud Nordin (Saint-Étienne) – 22:56
  6. Michail Antonio  (West Ham) – 24:36
  7. Yvan Neyou (Saint-Étienne) – 25:35
  8. Richarlison (Everton) – 25:50
  9. Grady Diangana (West Bromwich Albion) – 25:55
  10. Sadio Mané (Liverpool) – 27:12

Aliás, o ranking leva em conta apenas jogadores que atuaram pelo menos por 270 minutos até o dia 12 de outubro. Deve-se destacar que Neymar atuou 289 minutos, até o momento. Além disso, o jogador que mais comete faltas está no também no Campeonato Francês: Fabien Lemoine, do Lorient. Ele parou 21 jogadas com 451 minutos em campo, tendo média de uma falta a cada 21 minutos e 29 segundos. Então, fica bem a frente de seus rivais, que são:  Javi Galán, do Huesca (24:03), e Steven Alzate, do Brighton (26:09).

Foto Destaque: Divulgação/Reuters

Gabriel Yudi Gati Isii
Sou aluno de Jornalismo da PUC-SP (3/8). Sou um grande fã de futebol e do Pelé. Meus sonhos são cobrir uma Copa do Mundo em loco e dar um espelho para que pessoas iguais a mim, asiáticos, tenham alguém para se inspirar.

Artigos Relacionados