Goiás: Paulo Rogério avalia rendimento da equipe

Em entrevista coletiva, o presidente do Goiás, Paulo Rogério Pinheiro, comentou sobre o rendimento da equipe na competição e ainda falou sobre a expectativa de lotar a Serrinha.

O QUE VOCÊ TEM A DIZER SOBRE O RENDIMENTO DO GOIÁS?

“No meu planejamento não era para passar o aperto que estamos passando “, finalizou Paulo Rogério.

O QUE ESPERAR DO PRÓXIMO JOGO?

“Vamos fazer uma festa bonita. Peço a presença e é a hora de nós, torcedores, darmos a resposta. Não é o momento para reclamar e procurar culpados, é hora de apoiar. Temos que lotar a Serrinha”, afirmou

QUANTOS TORCEDORES DO GOIÁS IRÃO A SERRINHA?

A expectativa da diretoria é contar com lotação máxima, visto que a Prefeitura de Goiânia liberou a presença de 100% do público nos estádios da capital.

Dessa forma, o Verdão disponibilizou para a venda 7,3 mil ingressos. Cada individuo terá que apresentar o comprovante de vacinação completa ou teste negativo para Covid-19, de preferência o PCR.

QUAL A IMPORTÂNCIA DO JOGO PARA GOIÁS E CORITIBA?

O Goiás enfrentará o Coritiba nesta quarta-feira (10), às 21h30 (horário de Brasília), no Estádio da Serrinha. Em caso de vitória, o Esmeraldino dá um passo a mais para alcançar o objetivo de se classificar para a Série A. Em contrapartida, os três pontos para o Coxa significa o acesso para elite do Campeonato Brasileiro.

ONDE ASSISTIR?

A partida será transmitida através dos canais da TV fechada. Contudo, o SporTV irá liberar o jogo para quem possui o sistema de assinatura dos canais da empresa a cabo. O mesmo se repete no Premiere, que embora seja aparte dos canais contratados, também vai passar o jogo.

QUEM É O FAVORITO PARA O DUELO?

Por fim, as equipes possuem campanhas bem semelhantes, mesmo que os paranaenses estejam acima dos goianos. Nesse sentido, espera-se um jogo bastante disputado e com muitas possibilidades de resultado.

No entanto, acredita-se em um empate, por tudo o que os times apresentaram nas últimas partidas e pelos objetivos parecidos no campeonato.

Foto destaque: Divulgação/ Rosiron Rodrigues/ Goiás EC

André Merice
A paixão pelo esporte me fez escolher a profissão. A experiência como atleta não foi como o esperado. Então, procurei algo em que me encaixasse. E o Jornalismo foi a primeira opção! Falar já é bom, quando o assunto é futebol, se torna melhor ainda.