Imagina você ajudar seu pais a chegar a uma copa do mundo pela primeira vez na história. Agora imagina se você faz o primeiro gol da sua seleção em copas do mundo. Então, você entraria para história, será reconhecido por todo seu país e para sempre. Bem isso foi o que aconteceu com Masashi Nakayama, autor do primeiro gol do Japão em copas do mundo. Além de ser um dos maiores artilheiros da J-League.

JÚBILO IWATA

Masashi Nakayama começou sua carreira como a maioria dos jogadores japoneses em uma universidade, no seu caso ele jogava pela Universidade de Tsukuba. Logo após se destacar foi contrato pelo Yokohama Motors, hoje mais conhecido como Jubilio Iwata, no ano de 1990, o clube disputava a extinta liga Japonesa. Logo que chegou ele se destacou e chamou a atenção de todo o país.

Foram quase 20 anos no Jubilo Iwata, pelo clube Gon Nakayama disputou um total de 419 jogos e marcou um total de 217 gols. Se tornando um dos maiores jogadores da história do clube e da liga japonesa. Na temporada de 1997, conquistou seu primeiro título da J-League na sua carreira, além disso foi eleito para equipe da temporada.

Porém foi no ano de 1998 que o atacante teve a maior temporada de sua carreira, naquele ano, o Jubilo Iwata ficou com o vice-campeonato. Contudo individualmente o atleta foi eleito o melhor jogador da competição, além de ser o artilheiro do campeonato, ainda foi escolhido para o melhor 11 da temporada. Nakayama ainda foi artilheiro em 2000 e foi para seleção da competição em 2000 e 2002.

Pelo Jubilo Iwata também ganhou outros dois títulos da J-League, além de uma Supertaça da Ásia e uma Liga dos Campeões.

CARREIRA APÓS JÚBILO

Então em 2009, o jogador trocou de clube e aos 43 se transferiu para o Consadole Sapporo afim de ajudar o time a subir de divisão, o que aconteceu no ano de 2011. Preterido pelo técnico em diversos momentos, no ano de 2012, já com problemas no joelho, o jogador fez sua última partida pela J-League. Com isso Nakayama entrou aos 45 minutos, apenas para bater o recorde de jogador mais velho da competição.

No final daquele ano Gon Nakayama anunciou sua aposentadoria, contudo em 2015 o atacante voltava ao futebol. O jogador assinou contrato com o Azul Claro Numazu, time semi-amador, que disputava a 4ª divisão do Japão, foram dois anos no clube, até se aposentar definitivamente.

SELEÇÃO JAPONESA

Logo no primeiro ano como profissional, o atacante também teve sua primeira convocação para seleção japonesa. Porém no de 1998 o ano de gloria para o Japão e para Nakayama, a seleção nacional se classificou pela primeira vez na história para uma copa do Mundo, esta edição que foi disputada na França.

https://www.instagram.com/p/BwIEhNBBm0S/

Em 26 de Julho de 1998, o Japão enfrentava a seleção da Jamaica, pela última rodada da fase de grupos, ambas as equipes já estavam desclassificadas do torneio. O jogo foi disputado no Estádio de Gerland em Lyon, os japoneses perderam a partida. Porém o lance mais importante da história da seleção nipônica aconteceu aos 74’ quando Masashi Nakayama fez o primeiro gol do Japão em Copas do Mundo.

O atacante ainda entraria novamente na história, mas agora de forma mundia. Quando nas eliminatórias para Copa da Ásia em jogo contra Brunei, Nakayama marcou um hat-trick em apenas três minutos e três segundos, entrando para o livro dos recordes. Além desses quatro gols importantes, o jogador disputou um total de 53 jogos e marcou 21 gols pela seleção.

Foto destaque: Reprodução/ESPN

Avatar
Eddie Toschi
Edwaldo Toschi, bacharel em Direito e especialista em Jornalista esportivo através de cursos ministrados por jornalistas renomados como Alexandre Praetzel, Celso Unzelte, Mário Marra dentro outros. Sou um apaixonado por futebol. Apresentador do canal Sai Que é Sua no YouTube.

Artigos Relacionados