Marquinhos

O zagueiro Marquinhos não faz mais parte da seleção brasileira nesta data-FIFA. A saber, o técnico Tite desconvocou o atleta para o duelo contra o Peru. No entanto, mesmo se seguisse na concentração, o defensor do PSG não poderia atuar, pois está suspenso. Bem como, deveria ter cumprido contra a Argentina. No entanto, com a suspensão do jogo, o comitê disciplinar não deu garantias de que o Brasil poderia escalá-lo.

Marquinhos poderia jogar?

A princípio, Marquinhos tomou o terceiro cartão amarelo diante do Chile. A saber, em uma partida fora de casa, vencida pelo Brasil por 1 x 0. Assim, deveria ter cumprido suspensão automática no duelo contra a Argentina. No entanto, o jogo acabou sendo interrompido aos 4′, e adiado. Portanto, mesmo com o zagueir não entrando em campo, não ficou claro se ele poderia enfrentar o Peru.

Além disso, segundo a nota oficial da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), a situação não está clara. A saber, o comitê disciplinar da FIFA não deu garantias de que Marquinhos poderia atuar. Por isso, para evitar qualquer tipo de problema, a comissão técnica decidiu desconvocar o atleta. Assim, ele retorna à rotina de treinos no PSG. Ademais, o zagueiro Léo Ortiz, do RB Bragantino, assume sua vaga.

Confira a nota oficial da CBF:

“O zagueiro Marquinhos não participará do treinamento desta terça (07) no CT Joaquim Grava, em São Paulo, nem seguirá viagem com a delegação para o Recife (PE), local do próximo jogo da Seleção Brasileira na quinta-feira (09), às 21h30.

A comissão técnica optou pela desconvocação do atleta por não obter garantias do Comitê Disciplinar da FIFA para sua escalação após contato realizado na última segunda-feira (06).

A Seleção Brasileira treina nesta terça-feira (07) às 15h30 no CT Joaquim Grava, em São Paulo. O embarque para o Recife está previsto para às 21h10. Sem Marquinhos, Tite terá à disposição os zagueiros Éder Militão, Lucas Veríssimo, Miranda e Léo Ortiz”.

Foto destaque: Divulgação/Lucas Figueiredo/CBF

Caian Oliveira
Siga-me no Twitter: @caiansoliveira

Deixe um comentário