Mário Bittencourt

O presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, participou de uma entrevista por videoconferência neste domingo (24) com o programa esportivo Troca de Passes. O mandatário aproveitou o momento para se posicionar contrariamente ao retorno do futebol carioca e não poupou críticas. A participação ocorreu no mesmo dia em que, pela manhã, houve um reunião entre clubes do Rio, FERJ e prefeitura. Bota e Flu não enviaram representantes ao encontro. Assim, mantendo a postura contrária à mobilização.

O posicionamento de não participar das reuniões organizadas, tendo em vista o retorno das atividades, condiz e reafirma o não interesse da instituição em relação ao que se pretende. Na entrevista, Mário Bittencourt criticou as posturas de protocolos adotados como para treinamentos e realização das partidas.

Ademais, o momento que se passa a saúde é de calamidade. Em contrapartida, o encontro foi realizado um dia antes do Estado bater recorde de mortes. Além do mais, já são quase 38 mil casos e quatro mil óbitos.

 “A gente fez uma nota mais cedo explicando que não recebemos um convite oficial da prefeitura, mas que esse não é o motivo do nosso não comparecimento. Foi apenas para ilustrar que, além de não concordamos com uma reunião neste momento, entendemos inadequado uma reunião para falar de futebol, forçar a volta do campeonato no momento que atingimos quatro mil mortes no Rio de Janeiro”, disse Mário.

Foto destaque: Divulgação/Sportv/Twitter

Lucas Marllon
Escolhi jornalismo pois é a área que me atrai interesse em estudar e me vejo atuando. O Jornalismo esportivo é uma das áreas que pretendo interesse em atuar porém não é a única ambição. Aquilo que surgir oportunidade estarei pronto pra antes de tudo ser um bom jornalista.

Artigos Relacionados