Lucas Martínez Quarta, do River Plate, está na mira do Real Betis

- Equipe espanhola estaria disposta a oferecer 12 milhões de euros pelo defensor
Lucas Martínez Quarta

Enfrentando uma situação financeira delicada, o River Plate enxerga em Lucas Martínez Quarta o principal ativo do elenco com grande potencial de gerar receitas ao clube nesta janela de transferências.

Porém, em entrevista concedida ao portal argentino Sportia, o representante de Martínez Quarta, Gustavo Goñi revelou que, por hora, nenhuma oferta concreta por foi formalizada. Contudo, revelou que várias equipes europeias sondam diariamente a situação de Lucas, que possui vinculo com o River somente até o início de 2021.

“Se fosse pelo que saí na imprensa, já o tinhamos vendido várias vezes. Precisa ter paciência, a janela acabou de abrir. Creio que nos próximos dias a roda começará a se mover e aí vamos ver onde estamos”, explicou Goñi.

Mesmo com as palavras do empresário, o Real Betis apresenta-se como um forte candidato para ficar com Lucas Martínez Quarta. Equipes como Milan, Inter de Milão, Leeds United e Manchester City também estão no páreo pelo defensor, de 24 anos. 

“Dos clubes falados, qualquer um é sedutor. O Betis é da primeira divisão espanhola, como os outros o são na Inglaterra, Itália e França, mas não quero citar nomes, porque não existem propostas na mesa e isso prejudicaria qualquer situação”, disse Goñi.

TERMOS DO NEGÓCIO

Quarta é parte integrante do escopo armado pelo chileno Manuel Pellegrini, novo técnico do Betis para a temporada 2020/2021.

Assim, segundo apurações da imprensa argentina em conjunto com os meio espanhóis, o clube andaluz estaria disposto a desembolsar cerca de 12 milhões de euros (pouco mais R$ 73 milhões) para contar com o futebol de Martínez Quarta.

Apesar de distante da multa rescisória, fixada em 22 milhões de euros (cerca de R$ 134 milhões), o montante é, ainda de acordo com os periódicos argentinos, visto com bons olhos pelos cartolas do River. Entretanto, em outros momentos, o River externava que abriria negociações somente a partir de 16 milhões de euros (cerca de R$ 97,5 milhões).

Por outro lado, Enzo Francescoli, manager do clube Millionario, não esconde a necessidade da realização de ao menos uma grande venda já nesta janela. Porém, o ídolo uruguaio salienta que não pretende negociar os ativos do clube por baixos preços.

Imagem destacada: Reprodução/FNV

Pedro Ferri
Pedro Ferri
Pedro Rodrigues Nigro Ferri, 19, nascido em Assis-SP. Jornalista em formação pela Faculdade da Cásper Líbero e um fiel devoto. Católico? Protestante? Não, corinthiano. Sou mais um integrante do bando de loucos e nunca me conheci sem essa doença. Frequentador de arquibancada, sou apaixonado por torcidas. Sabe aquela música do seu time? É, eu canto ela no chuveiro. Supersticioso ao extremo e disseminador da política "NÃO GRITA GOL ANTES DA BOLA ENTRAR!".

Artigos Relacionados

Topo