Lesões no Liverpool ainda perturbam Jürgen Klopp na Premier League (Foto: Divulgação/Twitter Liverpool)

O pesadelo de Jürgen Klopp na Premier League continua: as frequentes lesões no Liverpool. Desta maneira, na última partida do clube no domingo (26), no empate em casa com o West Bromwich por 1 x 1, o técnico do time inglês teve duas baixas já conhecidas. O meia Naby Keïta sofreu lesão já antes de iniciar o jogo. Entretanto, mais uma vez, o zagueiro Joël Matip – que deu assistência no gol dos Reds – saiu no segundo tempo após dor na coxa.

Agora, Klopp não poderá contar com o jogador que não tem previsão de retorno. Ainda, em preocupação na sequência de contusões que parece não ter fim do defensor de 29 anos que está há quatros e meio no time inglês e que também, já havia sofrido com uma lesão nas costas antes. Além disso, no início da temporada o técnico contou com notícias ruins, como a perda de Virgil Van Dijk, que volta somente em meados de 2021; Fabinho, que já retornou há algumas rodadas e, o meia Thiago Alcântara; que já treina com a equipe e poderá estar disponível na partida contra o Newcastle.

“É como uma lesão ‘errante'. Ele teve um problema no tornozelo, mas podia continuar a jogar. Ele então teve um problema nas costas. Todo mundo sabe que ele mancava de vez em quando e depois tinha um problema nas costas [por causa disso]. Trabalhamos nisso, em ambas [lesões] e agora ele tem um adutor [lesão]”, disse Klopp sobre Matip após o jogo de domingo.

Conselhos para Klopp

O ex-jogador do Liverpool, Jamie Carragher, sugeriu que com a nova lesão de Matip, o comandante dos Reds deveria analisar a situação da defesa do time para o próximo ano. Mas, segundo jornais britânicos, Klopp não pensa em novas contratações em janeiro. Entretanto, o inglês defende a ideia.

“Acho que a maioria das pessoas concordaria que o Liverpool é o time mais forte deste país e favorito para ganhar a liga, mas a única coisa que os impede é a posição de defesa central e as lesões e a ameaça daqueles jovens jogadores [Williams e Nathaniel Phillips] tocando juntos por um longo período de tempo (…) É por isso que acho vital que o Liverpool entre no mercado em janeiro. Não que esses rapazes não sejam bons o suficiente, mas é que o seu defesa-central mais experiente é muito sujeito a lesões”, aconselhou o ex-defensor ao canal Sky Sports.

 

Foto Destaque: Divulgação/Twitter Liverpool

Avatar
Amanda Cruz
Sou Amanda Cruz, formada em História e estudante do último ano de jornalismo. Atualmente moro em Lorena/SP, mas sou paulistana e filha de pernambucanos. Despertei minha paixão pelo futebol na Copa de 2006 e desde lá o amor só cresceu. Sempre curiosa sobre esportes e amante de história, gosto de estar por dentro do assunto. Acompanho sempre notícias e jogos, principalmente das ligas europeias. Assim, o futebol é um esporte emocionante e como futura jornalista, escrever sobre ele é demais!

Artigos Relacionados